Share on Google+

De Olhos Bem Fechados

  (Eyes Wide Shut)
Sinopse O último e mais ousado filme de Stanley Kubrick são muitas coisas. É uma constrangedora jornada psicossexual. Uma assustadora alucinação. Um grande marco nas carreiras dos astros Tom Cruise e Nicole Kidman. É um valoroso capítulo final para a carreira de um grande diretor (Roger Ebert, do Jornal Chicago Sun-Times). Cruise interpreta o doutor William Harford, que é jogado numa aventura erótica que ameaça a seu casamento - e envolvendo-o em um misterioso caso de assassinato - depois que sua esposa (Kidman) admite ter desejos sexuais por outra pessoa. Como a história a caminha entre dúvidas e medo, auto-descobrimento e reconciliação, Kubrick conduz tudo isso com imagens surpreendentes. São características brilhantes que fazem de Kubrick um cineasta inigualável que, nesta obra, manterá todos os olhos bem abertos.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil De Olhos Bem Fechados
Título Original Eyes Wide Shut
Ano de Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Reino Unido / EUA
Duração159 minutos
Direção
Estúdio/Distrib. Warner Home
Idade Indicativa 18 anos

Elenco


... Dr. William Harford
... Alice Harford
>> Ver todo o Elenco...


Trilha Sonora


“Musica Ricercata II: Mesto, Rigido e Cerimonale”(1950)
Interpretada por Dominic Harlan, piano
Escrita por György Ligeti
Publicada por Schott Musik International GmbH & Co. KG
“Jazz Suite, Waltz 2”(1924)
Interpretada por Koninklijk Concertgebouworkest (como Royal Concertgebouw Orchestra)
Conducted by Riccardo Chailly
Escrita por Dmitri Shostakovich
Publicada por Boosey & Hawkes Music Publishers Ltd
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

02/03/2012 - Marcos Leão (41 anos)

35
  Ótimo
Denunciar
Só aquela antológica cena da orgia no casarão já vale tudo, isso comprova a genialidade de Kubric que nos deixou após a edição desse filmaço antes de lançá-lo.

05/03/2012 - Mateus (29 anos)

36
  Péssimo
Denunciar
Um dos piores filmes que já vi, recomendo que não percam tempo assistindo essa porcaria!

01/04/2012 - Bruno Redfield (18 anos)

37
  Ótimo
Denunciar
Instigante. É um suspense bastante atraente em todos os sentidos. Chega até ser irônico as tentativas de traições das duas partes mais nenhum dos dois consegue concretizá-las e ao mesmo tempo percebem que não vivem um sem o outro, mesmo não sabendo o porquê. Gostei bastante do filme, da fotografia, só não do Tom Cruise, neste filme ele está muito fanfarrão algumas cenas ele atua parecendo que vai rir, não consegue estabelecer seriedade a seu personagem, fazendo o papel literalmente de "galã".

30/04/2012 - Michelle (22 anos)

38
  Bom
Denunciar
O filme é bom, mas tem muita dramatização, sou fã do Cruise, meu noivo tem até ciúmes, e junto com Kidman eles trocam diferenças sexuais em crise dentro do seu relacionamento conjugal, quando Kidman o intima duvidando de sua fidelidade, é a hora que ele fica desapontado indo atrás de "aventuras", e encontra mesmo! Gostei, mas aquelas cenas das meninas totalmente nuas no casarão, mostrando nu frontal, acho que Kubrik exagerou um pouquinho, não precisava daquilo, já deu pra entender que era uma noite de orgia escondida com ricassos. Kubric mostra a importância de uma conversa franca que um casal precisa ter quando está em crise conjugal, e com meu noivo funciona assim também, quando vamos ter relação, rola estes tipos de conversa. Faz parte da rotina de um casal. Nota 9.

30/04/2012 - Mark (31 anos)

39
  Ótimo
Denunciar
Michelle, desculpe, mas, honestamente, você não entendeu a mensagem do filme, e sobre sua vida pessoal ninguém está interessado. Esse espaço é p/ opinar o filme. "De Olhos Bem Fechados" é o epílogo da carreira do consagrado diretor Stanley Kubrick, encerrando uma obra cinematográfica que incluiu sucessos como "Glória Feita De Sangue"; "Spartacus"; "Lolita"; "Doutor Fantástico"; "2001 - Uma Odisséia No Espaço"; "Laranja Mecânica" etc... No elenco, os papéis principais são de Cruise e Kidman que já haviam contracenado em "Um Sonho Distante", Kubrick apostou que, casados na vida real, eles ficariam mais desinibidos em cenas de nu e erotismo. E acertou na mosca. Cansados por nove anos de matrimônio, flertam separadamente numa festa na casa de Victor Ziegler (Pollack). No dia seguinte, relaxados pela maconha, conversam francamente sobre seus ciúmes ao pé da cama. Sentindo-se provocada pela aparente indiferença do marido, Alice confessa que teve desejos sexuais por outro homem durante as férias da família, ele fica irado com o adultério imaginário, mas o confronto iminente é interrompido pelo telefone anunciando a morte de um paciente. Ele vai para lá e é surpreendido por uma inesperada declaração de amor de Marion (Richardson), filha do falecido, que está de casamento marcado, e atordoado na volta encontra uma prostituta (Vinessa Shaw) e só não chega às vias de fato porque novamente um telefonema interfere. O médico volta a perambular pela cidade, reencontra um amigo pianista dos tempos da faculdade e convence-o a dar o endereço onde se pratica uma espécie de orgia secreta entre os bacanas da alta sociedade. Isso seria apenas uma experiência bizarra, se essa jornada não culminasse num misterioso caso de assassinato, num desaparecimento e em ameaças contra sua própria vida. Desorientado entre a sensualidade, o mistério e o medo, Harford tenta organizar-se de maneira racional em meio a uma atmosfera cada vez mais tensa para descobrir o que realmente aconteceu, recompor-se e buscar a reconciliação com a esposa. Filmaço p/ assistir acompanhado. Nota 10.

30/04/2012 - Thomas (53 anos)

40
  Ótimo
Denunciar
Hê hê hê, essa tal de Michelle viajou, é melhor ela assistir de novo e prestar mais atenção na estória. Kubrik era um excelente diretor e deixa saudades, e trouxe exatamente a mensagem que ele queria com esse filme. A realidade dentro de um casamento que está em crise, Cruise está fantástico no papel de um médico todo educadinho que enfrenta problemas psicológicos da esposa, entre seu trabalho e a família. E o final surpreende, quando percebe já está todo envolvido e encrencado, mas consegue dar a volta por cima, supera os obstáculos, e recupera seu casamento. Parabéns Kubrick! Todas as cenas são perfeitas, trabalho artístico onde se aprecia os toques de um verdadeiro cineasta, inclusive do casarão sinistro, um belo toque com nu artístico, quem não assistiu, assista, vai gostar. Nota 1000 com méritos!

27/06/2012 - Pedro (24 anos)

41
  Péssimo
Denunciar
Essa é a prova final de que o Stanley Kubrick é um incompetente, que nem antes de morrer fez algo que preste. Ele deve ter caído em si e enxergou, que é um dos piores diretores de todos os tempos, depois de analisar melhor sua própria filmografia.

11/07/2012 - Sandes (34 anos)

42
  Bom
Denunciar
A trama nos é apresentada de forma simples e vai se complicando ao longo do filme. O enredo nos conduz em meio a uma atmosfera de suspense em que ficamos pensando onde tudo vai dar, sobretudo quanto ao mistério da sociedade secreta. Ao final, o filme termina abruptamente e ficamos com aquela sensação de que o doce foi tirado da nossa boca. Em minha opinião, poderia ter sido melhor elaborado e explicado o final. Aliás, a trama é tão boa que merecia isso. Mas acho que o grande Stanley Kubrick queria era isso mesmo, nos deixar pensativos e nos pôr a pensar. A sociedade secreta, ficou claro ao menos para mim, não era o centro da história, embora tudo tenha relativamente girado em torno dela, e sim mais um recurso utilizado pelo diretor para nos fazer refletir sobre a vida conjugal retratada neste belíssimo filme.

12/08/2012 - Rafael (29 anos)

43
  Ótimo
Denunciar
Kubrick, como sempre, fez mais um filme que não é voltado para o povão. É normal que algumas pessoas falem tão mal, mas tenho a certeza que essa infelicidade se dá por não compreenderem, de fato, o que o filme transmite. Gostei demais da atuação de Kidman. Filme de muitas mensagens "subliminares" e simbologia. É de deixar arrepiado.

27/12/2012 - Rubens Sotero (36 anos)

44
  Ótimo
Denunciar
Eu acho que o comentário de nº 41 o nosso amigo deve ter se referido a outro diretor e não ao Kubrick, enfim creio que ele fez confusão. Mas tudo bem gosto é gosto e quanto ao filmaço "De Olhos Bem Fechados" o último de Kubrick, só aquela cena da orgia no casarão é fantástica e quem leu "O Código Da Vinci" vai entender o significado daquilo.

27/12/2012 - Armandinho (43 anos)

45
  Ótimo
Denunciar
Criticar o que e aonde desta que é a imortal e polemica obra intitulada "De Olhos Bem Fechados" do genial Kubrick. Ele se despediu da vida com chave de ouro após dirigir esse filmaço. Tem que respeitar e além disso conhecer cinema, pois o cara era bom e fim de papo.

04/02/2013 - Mauricio (32 anos)

46
  Ótimo
Denunciar
Este filme tem diálogos próximos de filme europeu, aquele "papo cabeça", que muitas pessoas não entendem. Creio que daqui a uns anos ele será reverenciado com o valor que merece. É só assisti-lo duas ou três vezes para entender o processo.

12/06/2013 - Mauro G. (46 anos)

47
  Ótimo
Denunciar
Mais uma ótimo filme de Kubrick, até as cenas de sexo são bem colocadas e bem trabalhadas, a história é muito boa, a produção excelente, um filme que vale a pena. Muito bom.

24/02/2014 - Robertocarlosm (53 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assisti no cine belas artes na TV sbt, muito bom, história bem produzida e dirigida, atuações convincentes, cenas de ação bem legais, dublagem nota dez.

01/03/2014 - Rene (42 anos)

  Ótimo
Denunciar
O kubrick sempre foi um cineasta visionário e instigante, um gênio do cinema, como pode aquele idiota do comentário 41 dizer que o diretor é ruim, povão, deve gostar de cada lixo para falar um tremendo absurdo desses, Kubrick fecha de forma magistral a sua carreira com um filme adulto falando sobre o que há por trás de um casamento e o que pode gerar uma infidelidade intencional, filme é fantástico.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Juntos e Misturados (Blended)

Copyright © 2014 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.