Share on Google+

A Doce Vida

  (La dolce vita)
Sinopse Apresentado em DVD Duplo com a versão totalmente restaurada no formato widescreen, A Doce Vida é a grande obra-prima do mestre Federico Fellini e também um dos maiores filmes da história do cinema. Roma, início dos anos 60. O jornalista Marcello (Marcello Mastroianni em desempenho memorável) vive entre as celebridades, ricos e fotógrafos que lotam a badalada Via Veneto. Neste mundo marcado pelas aparências e por um vazio existencial, frequenta festas, conhece os tipos mais extravagantes e descobre um novo sentido para a vida. Esta edição especial limitada traz muitos extras, incluindo Nino Rota, Entre o Cinema e o Concerto, emocionante documentário sobre o genial compositor da trilha sonora de A Doce Vida e de muitos outros filmes de Fellini.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil A Doce Vida
Título Original La dolce vita
Ano de Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Itália / França
Duração174 minutos
Direção
Estúdio/Distrib. Versátil Home Vídeo

Elenco


... Marcello Rubini
... Sylvia
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Patricia”Música de Dámaso Pérez Prado e
Letra de Bob Marcus
Interpretada por Dámaso Pérez Prado
“Ready Teddy” (não creditada)
Escrita por John Marascalco e Robert 'Bumps' Blackwell (como Robert Blackwell)
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

17/03/2008 - Lígia

9
  Ótimo
Denunciar
Excelente filme, ele passa uma mensagem firme e de fácil acesso a doce vida mostra que a vida dos outros que nós parece linda e maravilhosa nem sempre assim é, mostra que nos alienamos por exemplo com a vida dos famosos sendo que a vida deles não é aquele sonho que parece ser, um filme que a juventude de hoje deveria assistir, Fellini era um gênio!

07/05/2008 - Vitor Garcia

10
  Ótimo
Denunciar
Fiquei com os olhos grudados na TV durante as quase 3 horas do filme.

25/07/2009 - Expiradosblogspot (21 anos)

11
  Ótimo
Denunciar
Realmente espetacular, como já foi dito à cima... Tudo o que esperava e muito mais encontrei neste filme, que recomendo a todos, pelo menos a todos aqueles com bom gosto...

11/02/2010 - Augusto (15 anos)

12
  Ótimo
Denunciar
Uma obra-prima fantástica de Fellini, quase tão boa quanto Oito e Meio. Excepcional indescritível.

08/04/2010 - Jales Pinheiro do Amaral (36 anos)

13
  Ótimo
Denunciar
O filme é ideal para se ver em casa, aos poucos, até porque é contado através de episódios. A duração é longa, mas o filme nunca se torna cansativo, por causa da direção segura de Fellini, que mesmo improvisando, parece sempre ter o controle da situação. O filme tem diversas passagens memoráveis, mas o destaque vai mesmo para a cena de Anita Ekberg nas águas da Fontana di Trevi, uma das cenas clássicas da história do cinema. Nota 10,0.

09/08/2010 - Fátima (58 anos)

14
  Ótimo
Denunciar
Nota 10! Vez ou outra, tem que ser revisto... Marcou uma época! Vale a pena pra repensar sobre o grande vazio da vida em sociedade decadente e hipócrita... A cena dos dois na Fontana... É a mais bela!

22/02/2011 - Julio Simi Neto (54 anos)

15
  Ótimo
Denunciar
Só a antológica cena da atriz Ekberg com o grande Mastroianni na Fontana Di Trevi, já vale esse clássico. Perfeito, pobre daqueles que não entenderam o que venha a ser "A Doce Vida".

17/05/2011 - Ivo Carvalho (33 anos)

16
  Ótimo
Denunciar
Simplesmente maravilhoso.

17/08/2011 - Eliana (57 anos)

17
  Ruim
Denunciar
Pois é estou lendo os comentários do La doce vita de Felini e, sinceramente, tirando a cena da fonte, achei muito chato, o tema é batido e rebatido mesmo naquela época, as futilidades das celebridades e tal, sei lá mesmo assim vou tentar assistir de novo pra corroborar com a opinião dos outros internautas.

10/10/2011 - Ricardo Coquet (74 anos)

18
  Ótimo
Denunciar
Discordo de que a cena da fonte seja a melhor. Há muitas outras que marcaram esse filme áspero, grandioso, com interpretações fantásticas. A sequência do pai de Marcello e sua infeliz noitada, as festas, o suicídio de Steiner que deixa Marcello desorientado e a própria Ema, namorada deste, com sua marmita de ovo e banana. Áspero, mas cheio de humor. Revi pela enésima vez. O filme não se esgota.

29/07/2012 - Chico Moreno (50 anos)

19
  Ótimo
Denunciar
Um grande vazio embrulhado em belo papel de presente: este é o mundo que o grande Fellini mostra com habilidade em "A doce vida". (Qualquer semelhança com os tempos atuais NÃO É mera coincidência).

28/04/2014 - Aloizio (54 anos)

  Ótimo
Denunciar
Um filme espetacular, com várias cenas antológicas do início ao fim, é impossível tirar os olhos da TV, nem que seja por um segundo, pois corremos o risco de perder alguma coisa fantástica, as 3 horas de duração é pouco e quanto mais eu vejo o filme ( já vi 15 vezes) mais vontade eu tenho de assistir novamente, apesar da Roma do filme não ser mais a mesma, o mundo não é mais o mesmo (?), mas tudo isso não importa, A DOCE VIDA, será sempre um dos maiores filmes de todos os tempos, inesquecível e imperdível. FELLINI foi um gênio.

18/04/2015 - Moises Silva (44 anos)

  Ótimo
Denunciar
Obra-prima de fellini! Um clássico do cinema! Inesquecível!

18/04/2015 - Delmondes (45 anos)

  Ótimo
Denunciar
Têm de assistir e compreender o trabalho desse grande diretor que se tornou um Mago do Realismo do cinema italiano! Era exibido na extinta Sessão Classe A da Globo até meados dos anos 90! A FITA É UM PRIMOR! ENCANTADORA E GLAMOUROSA!

31/08/2015 - Sérgio Sarmento (60 anos)

  Ótimo
Denunciar
Revi nesta tarde NO CINEMA na sessão dos clássicos restaurados do Espaço Itaú de Cinemas. Ah! Em um digital perfeito e rodado pelo sistema DCP. Enaltecendo, ainda mais, um lindíssima fotografia em P&B. Olha! Adoro CINEMA e comparece nos mesmos há mais de 55 anos. Portanto posso dizer que conheço todos os filmes. Tanto os antigos como os atuais. E esse filme após 55 anos de sua estreia continua imbatível em sua atualidade. Fellini realmente realizou mais uma de suas inúmeras obras primas para O CINEMA. Esse filme, ainda, assisti pela primeira vez nos anos 60 do século passado, quando era um adolescente. Marcello Mastroianni está maravilhoso e em seu melhor momento de sua inesquecível carreira como ator. A famosa sueca Anita Ekberg, então com 45 anos, e com aquela " opulência na linha de frente " e mais seu banho na fonte Fontana de Trevi ajudaram eternizar um filme imorredouro. O detalhe que quando acontece o episódio dou uma olhada para o relógio e são exatamente 56 minutos de filme. Outra atriz que está linda. Linda mesmo! É a inesquecível Anouk Aimee. Grande atriz francesa. Repito. Que mulher bonita! Até me constrange em comentar um filme como esse. Pelo simples motivo que obras santificadas não comentamos. Mas sim idolatramos!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Sobrenatural - A Origem (Insidious: Chapter 3)

Copyright © 2015 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.