Share on Google+

Doutor Jivago

  (Doctor Zhivago)
Sinopse Considerado um dos cem mais importantes filmes da história do cinema mundial, chega agora a versão definitiva de um verdadeiro clássico: Dr. Jivago. Vencedor de cinco Oscar® incluindo o de Melhor Trilha Sonora composta por Maurice Jarre, Dr. Jivago é um dos mais belos filmes dirigidos por David Lean (Lawrence da Arábia ), contando a história de um amor impossível entre o jovem médico Iury Jivago (Omar Sharif) e a bela Lara (Julie Christie), uma paixão que atravessa uma revolução e uma guerra mundial. Um filme apaixonante, com imagens memoráveis, como a da revolução russa nas ruas de San Petersburg, a travessia de trem pelos Montes Urais, e as incontáveis cenas de batalhas pela Europa durante a Segunda Guerra Mundial.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Doutor Jivago
Título Original Doctor Zhivago
Ano de Lançamento
Gênero Épico
País de Origem EUA / Itália / Reino Unido
Duração197 minutos
Direção
Estúdio/Distrib. Warner Home Video
Idade Indicativa 12 anos

Elenco


... Yuri
... Lara
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Prelude in G minor, Op.23-5”(1901) (não creditada)
Composta por Sergei Rachmaninoff
“The Internationale”Letra de Eugène Pottier
Música de Pierre De Geyter
[
Cantada por crowd in the street]

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

29/01/2013 - Andrea (45 anos)

134
  Ótimo
Denunciar
Assisti aos 18 anos, e estou sempre assistindo. Amo filmes antigos, são maravilhoso... Este em questão é lindo, amei.

01/05/2013 - Rose (60 anos)

135
  Ótimo
Denunciar
Escutei o Tema de Lara, pela primeira vez quando tinha 12 anos. Desde então, sou louca por ela. Tempos depois, descobri que era o tema do filme Dr. Jivago. ERA O ANO DE 1966, daí pra frente não sosseguei enquanto não assisti ao filme. Só em 1972, consegui vê-lo. Quase morri de emoção. Resumindo, tive 3 filhas e desde a primeira quis botar o nome de Lara, mas meu marido ficava reclamando, e botava outro nome. Até que depois de 11 anos tive a terceira, e ela se chama LARA. A minha Lara. Tenho até o disco original do filme, com o Tema de Lara, e até Tema de Lara cantado em português.

20/05/2013 - Capitao Kirk (52 anos)

136
  Ótimo
Denunciar
Como relatei sobre outro filme, num universo de Dez, este pertence neste espaço, além de sua trilha inesquecível.

28/05/2013 - José Ribamar (57 anos)

137
  Ótimo
Denunciar
Filme romântico apesar de retratar um pouco a revolução Russa. Mas quem não teve na sua vida uma Lara ou um dr jivago.

10/06/2013 - Flávio Zampieri (57 anos)

138
  Ótimo
Denunciar
O filme é simplesmente MARAVILHOSO! Direção, elenco e trilha sonora fantásticas. Assisti apenas 12 vezes e me emocionei em todas elas.

30/06/2013 - Maria Antonieta (70 anos)

139
  Ótimo
Denunciar
Acabo devê-lo na RTP MEMÓRIA. Vi-o, há muitos anos no Trindade, no Porto. MARAVILHOSO... Tenho 70 anos e embora deixasse de ir ao cinema, valeu a pena rever este filme encantador. Bom tema e excelente representação Muito obrigada.

02/07/2013 - Julia (31 anos)

140
  Regular
Denunciar
Eu colocaria o filme bom e ruim, em partes definidas. Bom: os atores, a trilha sonora, o cenário de guerra (o que não foi à toa que recebeu Oscar nessas características). Ruim: quanto ao enredo, quanto à figura da infidelidade dos dois, um homem que é casado, tem filhos e se relaciona com uma mulher que já passou por outros relacionamentos conturbados também. Isso acontecia com menos intensidade que hoje, pois hoje as pessoas casam e descasam com a maior facilidade do mundo, achando que encontrará alguém perfeito para satisfazer-se. Não existe amores perfeitos, porque imperfeitos todos somos. O que deve existir é um relacionamento sério e respeitoso com aquele com quem convivemos. O que não quer dizer que Lara e o Jivago não sentiram amor verdadeiro, pois, isso acontece quando não ainda experimentaram o amor antes mesmo. Mesmo assim, não aprovo essa ideia de grandes amores depois que já existe um relacionamento, principalmente se existe um relacionamento saudável com seu parceiro e ter filhos com este. No caso de Lara já foi mais complicado devido ao primeiro relacionamento ser conturbado e o segundo ter desaparecido, em meio a uma época em que toda mulher dependia de seus maridos para sobrevivência ou ter conseguido trabalhos pequenos como auxiliares (enfermeira, secretária, etc) para sobreviver. Um amor de verdade não é retratado no filme, mas apenas um amor de início, uma paixão fulminante. São poucos os filmes que retratam como é um amor de verdade, não egoísta e não desesperado.

02/07/2013 - Julia (31 anos)

141
  Regular
Denunciar
Não me recordo o nome do filme, mas sim dos atores. Edward Norton era um médico bom e sua esposa bela, que era a atriz Naomi Wats. Esse filme é bem chatinho, muito parado, e não gostei da performance dos personagens, apesar deles já demonstrarem atuar melhor em outros filmes. Porém, este filme é um exemplo de amor verdadeiro, pois o que Norton fez por sua esposa é mais do que paixão e amor de início. Esse é o verdadeiro amor, diferente do que eu quis dizer sobre o Dr. Jivago x Lara.

10/11/2013 - Jose Macedo (58 anos)

142
  Ótimo
Denunciar
Eu adorei este filmes é um clássico do cinema nota 10.

24/03/2014 - Maria Lucia (65 anos)

  Ótimo
Denunciar
Este filme foi o melhor filme da minha vida eu não esqueço, eu vi este filme a 49 anos muito lindo!

24/03/2014 - Maria Lucia (65 anos)

  Ótimo
Denunciar
Este filme foi o melhor que já vi atores maravilhosos, música linda e figurino lindo eu sou apaixonada por este filme.

06/09/2014 - Abel Barros (54 anos)

  Ótimo
Denunciar
O melhor filme que já assisti. De coração! Inclusive tenho o DVD e vez ou outra, assisto.

25/09/2014 - João Clodomir Ramos (61 anos)

  Ótimo
Denunciar
Filme que marcou minha adolescência e minha juventude, sou nascido em 1953, vi o filme a primeira vez em 1966. Por toda minha vida tenho cantado Tema de Lara, principalmente com meus filhos e agora netinhos. Tenho o Filme Dr Jivago, o livro Dr Jivago e a música Tema de Lara. Sou apaixonado pelo filme, cenário, história, figurino, época, enfim o melhor filme que já vi. Abraços a todos os fãs dessa película maravilhosa.

04/10/2014 - Jivago Souto (23 anos)

  Ótimo
Denunciar
Vou carregar a história deste filme por toda vida, pois foi ele que inspirou meu nome dando origem a um nome um tanto diferente par os padrões que vivemos, mas ainda assim prefiro meu nome Jivago do que um Rafael ou Filipe da vida.

31/10/2014 - Gilberto (45 anos)

  Ótimo
Denunciar
O filme reflete bem o contexto dos últimos acontecimentos no Brasil, em que tem se configurado uma política de ódio entre classes, se o cenário do Brasil de 1964 fosse esse que configura hoje, com o Brasil dividido, certamente hoje seriamos uma ditadura comunista. Pois o ódio entre classes é o momento certo para se deflagra uma revolução tal qual relata o filme.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Ventos de Agosto (Ventos de Agosto)

Copyright © 2014 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.