Share on Google+

Abraços Partidos

  (Los abrazos rotos)
Sinopse Há 14 anos, o cineasta Mateo Blanco (Lluís Homar) sofreu um trágico acidente de carro, no qual perdeu simultaneamente a visão e sua grande paixão, Lena (Penélope Cruz). Sofrendo aparentemente de perda de memória, abandonou sua posição de cineasta e preservou apenas seu lado de escritor, cujo pseudônimo é Harry Caine. Um dia Diego (Tamar Novas), filho de sua antiga e fiel diretora de produção, sofre um acidente, e Harry vai em seu socorro. Quando o jovem indaga Harry sobre seus dias de cineasta, o amargurado homem revela se lembrar de detalhes marcantes de sua vida e do acidente.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Abraços Partidos
Título Original Los abrazos rotos
Ano Lançamento
Gênero Drama / Romance / Suspense
País de Origem Espanha
Duração127 minutos
Direção
Estreia no Brasil 04/12/2009
Estúdio/Distrib. Universal Pictures

Elenco


... Lena
... Mateo Blanco / Harry Caine
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“A ciegas”Escrita por Juan Quintero, Rafael de León e Manuel L. Quiroga
Interpretada por Miguel Poveda
Arranjo de Alberto Iglesias
“Werewolf”Interpretada por Cat Power
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

14/05/2010 - Rodrigo (37 anos)

18
  Ótimo
Denunciar
Simplesmente sensacional, como todos os filmes do Almodovar.

15/05/2010 - Jean Carlos - Osasco (33 anos)

19
  Ótimo
Denunciar
Não é meu estilo, mas achei muito bom... !

22/05/2010 - Sergio Caldas (48 anos)

20
  Regular
Denunciar
O filme não empolga, o romance de Penelope Cruz com o protagonista cego é incipiente, sem sal, a forma como a história é contada se torna entediante, várias partes do filme não se encaixam, deixa a desejar, nem parece um filme do Almodóvar, faltou tesão...

17/06/2010 - Daniel Veras (29 anos)

21
  Bom
Denunciar
Realmente o filme deixa um pouco a desejar, mas isso não o desqualifica. Achei um grande filme mesmo assim.

13/08/2010 - Kate (39 anos)

22
  Ótimo
Denunciar
Um ótimo filme, adorei. Como sempre Almodovar nunca decepciona.

12/09/2010 - Jales Pinheiro do Amaral (36 anos)

23
  Bom
Denunciar
Esse foi o filme mais fraco de Almodóvar que eu já vi. A história no início é confusa e demora a despertar algum interesse. Mesmo quando alguns segredos são revelados o filme não surpreende. O melhor motivo para conhecê-lo acaba sendo mesmo Penelope Cruz, que melhora a cada trabalho. Um bom filme, mas que comparado a outras obras de Almodóvar, decepciona. Nota 7,0.

15/09/2010 - John (30 anos)

24
  Péssimo
Denunciar
O pior filme que já vi na minha vida.

17/10/2010 - Fabiokubrick (31 anos)

25
  Bom
Denunciar
Bom filme, um pouco lento, mais ainda assim tem o seu charme. Nota 8.

16/11/2010 - Malú (60 anos)

26
  Ótimo
Denunciar
Ao contrário de alguns comentários aqui postados, como "péssimo", gostei muito desse filme intrigante e justamente a demora para desenrolar a trama é que tem todo o seu brilho, a cara de Almóvar!

06/12/2010 - Terezinha (62 anos)

27
  Ótimo
Denunciar
Este é o melhor Almodovar que já vi. Simplesmente fantástico! Nota mil.

10/01/2011 - Sidou Miccione (54 anos)

28
  Bom
Denunciar
O filme é muito bom, diálogos interessantes e inteligentes. Não deixem de assistir os extras do DVD. É melhor ainda.

20/06/2011 - Luiz Fernando (28 anos)

29
  Ótimo
Denunciar
A beleza do filme está justamente na mimese, ou seja a forma como a história é contada, o diretor usa e abusa da intertextualidade e da metalinguagem, já que é um filme falando sobre o ofício de fazer filmes. No caso o filme que está sendo dirigido por Mateo é justamente mulheres a beira de ataque de nervos do próprio Almodóvar. Por essas e outras Almodóvar é sempre Almodóvar!

20/07/2011 - Vítor (19 anos)

30
  Ótimo
Denunciar
Muito bom. Um filme magnífico. Almodóvar mais uma vez mostra mais uma vez o que é cinema de verdade.

14/01/2012 - Ademar Bessa (73 anos)

31
  Ruim
Denunciar
Mais uma vez, PEDRO ALMODÓVAR, pisou na bola. Acredito que já perdeu sua motivação, agora vive de seu nome, quando fez bons filmes. Enrolado, cortes longos e desnecessários, história melodramática. E a PENÉLOPE CRUZ, é só caras e caretas, uma tremenda canastrã. De bom a atuação de LLUIZ HOMAR, quando está no papel de HARRY CAINE, como MATEO, fica a desejar. BLANCA PORTILLO, como JUDIT, também está muito bem. Fica entre fraco e aceitável.

02/01/2014 - Odair (40 anos)

  Péssimo
Denunciar
Filme péssimo! Que história chata... Parece que o filme não acaba nunca!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Abraços Partidos (Los abrazos rotos)

Copyright © 2020 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.