Share on Google+

Biutiful


Sinopse Uxbal coordena vários negócios ilícitos em Barcelona. Além disto, ele possui um dom de falar com os mortos e usa esta habilidade para extorquir as pessoas. Uxbal precisa conciliar sua agitada vida com o papel de pai de dois filhos, já que a mãe deles, Marambra, é instável. Até que, após sentrir fortes dores por semanas, ele resolve ir ao hospital. Lá descobre que está com câncer e que tem poucos meses de vida.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Biutiful
Título Original Biutiful
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem México / Espanha
Duração148 minutos
Direção
Estreia no Brasil 21/01/2011
Estúdio/Distrib. Paris Filmes

Elenco


... Uxbal
... Marambra
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Como te extraño mi amor ”Interpretada por Café Tacvba
Escrita por Leo Dan (como Leopoldo Dante Tévez)
Publishing Emi Music Publishing
“Shudder/King of Snake ”Interpretada por Underworld
Escrita por Donna Summer, Darren Emerson, Giorgio Moroder, Pete Bellotte (como Peter Bellotte),
Rick Smith (como Richard Smith) e Karl Hyde
Chrysalis Songs on behalf of Smith Hyde Productions
Contains a sample of "I Feel Love"
Interpretada por Donna Summer
Publishing D/B/A Sweet Summer Night Music
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

14/01/2012 - Shirlei (40 anos)

30
  Ótimo
Denunciar
Para quem aprecia um bom filme, realista não perca, pois é ótimo, se prepare para ficar depre depois de assistir excelente atuação de Barden.

21/01/2012 - Carlos N Mendes (45 anos)

31
  Ótimo
Denunciar
Lindo, fantástico, pesado, fala de coisas muito sérias - o pouco humor do filme é subproduto de uma personagem bipolar. Javier Barden, monstruosamente bom na tela, interpreta um homem que precisa lutar e muito por sua paz de espírito. Boas intenções viram desgraças, traições vem de onde se espera e de onde nem tanto, o tempo é curto e ele está praticamente sozinho. Maravilhosamente construído e ambientado na Barcelona dos imigrantes, degradada e depressiva. Soberbo, uma jóia que merecia muito mais que os 7,4 do IMDb. A minha é 9.

28/01/2012 - Fátima Pontes (43 anos)

32
  Ótimo
Denunciar
Drama pesado! Vale pela atuação impecável de Javier Bardem e também vale por nos fazer valorizar nossa vida e rir dos nossos pequenos problemas!

29/02/2012 - Jose Roberto (40 anos)

33
  Ótimo
Denunciar
Ótimo filme, retrata a vida sofrida de quem repentinamente se vê a beira da morte, com tantas coisas pra resolver, principalmente os filhos. O final traz uma ideia do que pode ser a transição para a morte. RECOMENDO...

16/03/2012 - Hemerson (25 anos)

34
  Ótimo
Denunciar
Muito bom recomendo... Uma história muito interessante... Nota: 9.

23/05/2013 - Maria do Carmo (46 anos)

35
  Ótimo
Denunciar
Achei ótimo. A temática é real, pois trata-se de um assunto atual ou seja, uma problemática que é muito comum hoje em dia (a questão dos estrangeiros ilegais em outros países e que são contratados para trabalharem em regime de exploração). A meu ver, esse tema em si já é muito pesado e, foi muito bem tratado no filme. A outra questão fala sobre doença e morte. Sobre a morte, na minha opinião, o filme tratou de uma forma bem espiritualizada e bem subjetiva. Gostei. A questão da doença do personagem central foi abordada de uma maneira que no meu entendimento levou-me e discernir que uma coisa leva a outra (causa e efeito). Belíssima interpretação do ator espanhol Javier Bardem, dos atores que faziam parte de sua família e também dos atores que interpretaram os imigrantes explorados. Mas, gostaria de ressaltar que, trata-se de um filme alternativo e sem clichês. Portanto nem todos vão gostar, pois a meu ver, a película tem uma dimensão um tanto quanto obscura e não é todo mundo que aprecia.

08/06/2013 - Lia (45 anos)

36
  Ótimo
Denunciar
Triste, muito triste. Mas ótimo. O retrato da condição humana mais desesperada. A sobrevivência a qualquer preço nos centros urbanos onde, mesmo ainda mantendo traços de solidariedade, amor e carinho, o ser humano se transforma em explorador, em traidor, em dependente. Em doente. É o homem sendo explorado pelo homem. Numa luta onde não existe vencedores, todos são vencidos. O submundo tem o papel principal. É o cenário e o cerne da estória. O Javier parece ter sido feito para o papel protagonista. Ele incorpora todas essas facetas. A dor que emana de seu personagem é quase palpável. O filme é muito bom, mas está longe de ser um divertimento ou mesmo um passatempo. A dor na tela chega até o espectador, que dela não consegue se livrar por um bom tempo. Recomendo.

21/06/2013 - Osmar (55 anos)

37
  Regular
Denunciar
Não gostei da história, filme muito pesado, sombrio, boa atuação do javier bardem, mas minha nota e 5...

09/04/2015 - Diego Andrade (34 anos)

  Ótimo
Denunciar
Excelente filme. Inteligente e nos faz refletirmos sobre a vida e a morte.

18/07/2015 - Tchesco (25 anos)

  Ótimo
Denunciar
Javier Bardem esta ótimo, nesse drama sombrio, reflexivo sobre valores da vida humana, e amor pelos filhos, um drama familiar nu e cru espetacular que sempre arranca fortes interpretações, como é bom de se ver!

12/02/2016 - Rosane Gusmão (32 anos)

  Bom
Denunciar
O filme é forte e interessante. A atuação de Baldem é esplêndida, ele consegue retratar bem o drama de um paciente terminal de câncer e a preocupação com o destino de seus filhos. A parte da imigração ilegal é bem abordada e muito triste. Esse não é um filme de ação, mas sim reflexivo. Gostei, mas é preciso ser forte.

05/03/2017 - Elaine (40 anos)

  Ótimo
Denunciar
Filme dramático, pesado e até um pouco depressivo. Mas pra quem acha que tem problemas grandes, então veja esse filme. Você verá que seus problemas não são nada perto disso... Mostra a dura realidade da vida... Javier é um ator maravilhoso, e nesse filme mostra toda a sua competência...

21/03/2017 - Teresa Cristina (60 anos)

  Ótimo
Denunciar
É mais uma obra-prima da 7ª Arte. Já havia elaborado meu comentário, porém, caí os olhos no de Lia (nº 36) e constatei que seria quase uma paráfrase do que ela sentiu e expressou. Portanto, apenas acrescento que Javier Bardem, assim como em "Mar Adentro" e "Onde os Fracos não têm vez", mostra a quê veio.

09/04/2019 - Paulo Meiras (54 anos)

  Ótimo
Denunciar
Denso e forte, um grande acerto.

09/09/2020 - Sandra (43 anos)

  Ruim
Denunciar
Achei o filme parado e sem graça. Eu olhei os comentários acreditando que ia ver a maioria seria regular, ruim ou péssimo e fiquei surpresa ao ver as notas que estão aqui, mas o que seria do amarelo se todos gostassem do azul...

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Biutiful (Biutiful)

Copyright © 2020 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.