Share on Google+

A Suprema Felicidade


Sinopse Rio de Janeiro, 1945. O garoto Paulo, de 8 anos, assiste ao lado dos pais, Marco (Dan Stulbach) e Sofia (Mariana Lima), os festejos pelo fim da 2ª Guerra Mundial. Seu melhor amigo é Cabeção, com quem compartilha a rua e o colégio jesuíta em que estuda. Já na juventude, Paulo precisa lidar com a frustração do pai por não ter conseguido realizar o sonho de pilotar um jato. Ele se aproxima de Noel (Marco Nanini), seu avô, um funcionário público boêmio que o inicia na vida noturna carioca. Logo se apaixona por Deise, uma jovem misteriosa que possui um ar existencialista. O caso entre eles não dá certo e Paulo passa a frequentar, com cada vez mais assiduidade, a área de prostituição local. Um dia, no cabaré Eldorado, Paulo reencontra o pai, triste e solitário. Eles passam a dividir a admiração pela jovem Marilyn, de apenas 16 anos, obrigada pela mãe a tirar a roupa para os clientes. É quando a reaproximação de Paulo com o pai e uma repentina história de amor provocam uma grande reviravolta na vida de ambos.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil A Suprema Felicidade
Título Original A Suprema Felicidade
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Brasil
Duração121 minutos
Direção
Estreia no Brasil 29/10/2010
Estúdio/Distrib. Paramount Pictures Brasil

Elenco


... Trapezista do Cabaré
... Cabeção - 18 years old
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

09/11/2010 - Sérgio Sarmento (57 anos)

8
  Ótimo
Denunciar
Sem dúvida um belo filme! Acompanho o cinema de Jabor bem antes de seus comentários na mídia. Portanto desde Pindorama de 1970 até 1984 em Eu sei que vou te amar. Passando pelo melhor de todos e que venceu em 1973, em plena ditadura militar, o Festival de Gramado (RS). Falo de Toda Nudez Será Castigada baseado no grande Nelson Rodrigues. Sem dúvida Rodrigues foi aquele autor que melhor soube mostrar a hiprocrisia da moral burguesa no Brasil. Família portanto. E Jabor com todo o seu talento soube de um forma magistral mostrar no cinema o envolvimento da prostituta Geni, interpretada de forma magistral por Darlene Gloria e o burguês Herculano (Paulo Porto). Mas após 26 anos Jabor volta com uma surpresa, pois filme de uma maneira antiga em uma obra genial. Nos mostrando novamente uma crítica a moral e a hipocrisia pequeno burguesa. Família portanto. Classe esta que o diretor conhece muito bem. Com um elenco de atores bem afinado onde destaco o sempre ótimo Marco Nanini, sem dúvida o alter-eco do diretor, é o homem que transmite, de uma forma magistral, que aquela vida de sonhos e emoções ficou no passado e que finalmente Jabor consegue fazer as pazes com ele mesmo prestando com isto uma bela homenagem a todos que sabem tirar lições da vida que passou. Por tudo vá! Recomendo! E para você diretor Arnaldo Jabor você fez muito bem voltar ao cinema. Pois já estava pensando que tínhamos ganho um bom articulista, mas em compensação tínhamos perdido um ótimo diretor de cinema. Dá-lhe Jabor e com certeza você tem minha total solidariedade.

09/11/2010 - Eduardo -escritor - (58 anos)

9
  Ótimo
Denunciar
Vi duas vezes o filme, achei simplesmente fantástico, de uma sensibilidade incrível, poético, extremamente bem filmado, atuações incríveis mesmo, grande jabor... Nunca pensei que tínhamos um cara genial assim aqui no Brasil, sinceramente, diria que foi o melhor filme brasileiro que já vi... E olha que faz 45 anos que vejo filmes... Parabéns jabor, e não fique só nesse.

09/11/2010 - Leandro (36 anos)

10
  Péssimo
Denunciar
Sem sombra de dúvida, o pior filme que já assisti no cinema. Só não levantei e fui embora antes porque estava com a inútil e vã esperança que fosse melhorar até o fim. Que tolice!

09/12/2010 - Rose (56 anos)

11
  Bom
Denunciar
Gostei do filme, mas classificá-lo de ruim, não seria justo, tem muito o que relembrar momentos que eternizaram a vida boemia das pessoas, que com a idade avançada relembram com muito entusiasmo sua trajetória.

13/12/2010 - Rpal (43 anos)

12
  Péssimo
Denunciar
De fato um filme triste DE SE VER, um verdadeiro lixo, dirigido pelo Arnaldo Jabor, um recado, para o diretor, prefiro, ver Lula filho do Brasil, do que este infeliz filme dirigido pelo Jabor, que é melhor ficar só com os comentários políticos, que não venha mais para o cinema.

25/12/2010 - Leo Matthyas (17 anos)

13
  Não vi
Denunciar
Eu não assisti ao filme por que não vi estrear aqui no cinema da cidade vizinha! Mais com certeza deve ser belíssimo com porque tem atores da globo! Eu adoro filmes que tem esses atores maravilhosos! Parabéns! Um dia eu penso em fazer um filme assim que emocione o publico e confunda as cabeças deles! É meu sonho! Parabéns pela estreia! Não vi mais gostaria de ter visto! Um dia vou fazer um filme assim! Com caio manhente, marco nanine, cesar cardadeiro, jayme mataraso entre outros!

24/04/2011 - Maria Oliveira (61 anos)

14
  Ótimo
Denunciar
Vi e é maravilhoso! Parabéns jabor, você não somente retrata muito bem uma época como você sensibiliza, mostrando a importância de um avô na vida de um neto, a quem ele ensina apreciar o universo e reconhecer o amor como a solução. Quantos avós estão aí ajudando seus netos, aliás hoje mais do que nunca, pois as famílias se dissolvem em instantes. O filme trata de um passado distante, mas a solidão do homem acompanha o tempo. Gostei de tudo até das cenas mais fortes, surpreendi-me com a do assassinato da prostituta, aquelas mulheres grávidas, parece surreal, mas ainda hoje encontramos cenas como estas...; as carroças cheias de corpos passavam, mas a vida continuava..., muito interessante seu filme, sua cara. Contar essa hipocrisia faz mal, por quê?

15/07/2011 - Téo Alves (20 anos)

15
  Péssimo
Denunciar
Pior filme que assisti nesse ano.

01/08/2011 - Anna (27 anos)

16
  Péssimo
Denunciar
Uma verdadeira porcaria.

16/09/2011 - Domingo Alvarez (Madri) (44 anos)

17
  Ótimo
Denunciar
Acabo de assistir o filme e achei uma opera prima. O filme consegue retratar uma época que pertence a nossos avôs. Adorei cada minuto dele, o patetismo misturado com o romanticismo. O filme se distancia do padrão de filmes que o cinema brasileiro nos tem acostumados. Até comparei o filme com West Side Story. Os atores souberam brilhar em seus papeis que dominaram com maestria. Excelente filme.

27/04/2012 - Ubirahy (55 anos)

18
  Bom
Denunciar
Acho que muita gente está enganada (inclusive o editor da matéria), confundindo tamy di calafiori com maria flor. A marilyn do filme é tamy di calafiori.

25/05/2012 - Tavares (40 anos)

19
  Bom
Denunciar
Bom filme, bem nostálgico.

15/07/2012 - Jales Pinheiro do Amaral (38 anos)

20
  Bom
Denunciar
O filme poderia ser mais curto, pois não tem tanta história para mais de duas horas de duração. Apesar das pequenas falhas, tem alguns momentos emocionantes, quase todos protagonizados por Marco Nanini. É um bom filme, mas que não chega a ser imperdível. Nota 7,0.

20/07/2012 - Klaus (27 anos)

21
  Regular
Denunciar
Clichês da época colados como uma colcha de retalhos.

13/09/2016 - João Gabriel Silveira (35 anos)

  Ruim
Denunciar
Filme medíocre. A história é fraquíssima e mal contada. O final é péssimo, ou melhor, não tem final. Parece que o roteiro não foi concluído. Só assisti até o fim, por causa da linda Calafiori.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

A Suprema Felicidade (A Suprema Felicidade)

Copyright © 2019 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.