Share on Google+

Noé

  (Noah)
Sinopse Noé vive com a esposa Naameh e os filhos Sem, Cam e Jafé em uma terra desolada, onde os homens perseguem e matam uns aos outros. Um dia, Noé recebe uma mensagem do Criador de que deve encontrar Matusalém. Durante o percurso ele acaba salvando a vida da jovem Ila, que tem um ferimento grave na barriga. Ao encontrar Matusalém, Noé descobre que ele tem a tarefa de construir uma imensa arca, que abrigará os animais durante um dilúvio que acabará com a vida na Terra, de forma a que a visão do Criador possa ser, enfim, resgatada.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Noé
Título Original Noah
Ano de Lançamento
Gênero Drama
País de Origem EUA
Duração138 minutos
Direção
Estreia no Brasil 03/04/2014
Estúdio/Distrib. Paramount Pictures
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... Noah
... Naameh
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Father Song (Lullaby)”Escrita por Patti Smith, Lenny Kaye & Russell Crowe
“Mercy Is”Escrita por Patti Smith & Lenny Kaye
Interpretada por Patti Smith & Kronos Quartet
Patti Smith performs
Kronos Quarter performs

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

10/04/2014 - Rosa (40 anos)

  Regular
Denunciar
Eu esperava algo muito bom, mas houve distorções de acordo com a bíblia e muito chato e parado.

11/04/2014 - Alexandre Magno (36 anos)

  Ótimo
Denunciar
Qual seria a graça de fazer um Noé igualzinho ao "conto do Diluvio" da Bíblia, uma história mais do que conhecida? Nenhuma. Eu não gastaria 1 centavo para ir ver tal filme. Entretanto, o mérito (excelente) do filme é nos obrigar a fazer uma releitura atual desse episódio: Tal como Noé, estamos neste momento em uma encruzilhada da história da Civilização. Que caminho tomar? Entrar na Arca e aderir a um estilo de vida que saiba como conviver com o meio ambiente e a Natureza e salvar a Civilização ou ignorar os avisos, não entrar na Arca e continuar esgotando os recursos limitados da Mãe Terra?

12/04/2014 - Gagarin (39 anos)

  Não vi
Denunciar
Li alguns comentários, principalmente os negativos, por causa disso fiquei super interessado em assistir.

12/04/2014 - Roseli Fresneda (46 anos)

  Ruim
Denunciar
Esse filme não tem nada a ver com a palavra de deus é totalmente diferente o homem perdeu o temor de deus, pois está escrito que quem tirar ou acrescentar algo na palavra de deus este será punido.

12/04/2014 - Lautner Angelov (21 anos)

  Bom
Denunciar
Olha! Gostei do filme. Hollywood sempre fará com que suas produções em primeiro lugar emulem espetáculo. Quando li a sinopse do filme, pesquisei sobre, e principalmente quando saiu o trailer, vi que o filme não seria fiel. Tendo isso em mente, assisti e posso dizer que o filme é inspirado e não baseado do "livro" de Gênesis da Bíblia, e isso ao fim fez muita diferença. O diretor Darren Aronofsky, desconstrói uma história que todos conhecem, mas por incrível que pareça, o subtexto ainda engloba um caminho de luz, salvação, devoção, pecado, destruição, criação e renascimento (A (re) construção do filme enfoca o pecado, a criação do mundo e a destruição para que o bem possa reinar. ). O foco aqui, foi construir uma história paralela da história transformando-a numa ficção. Agora, essa indignação e polêmica em torno do caminho seguido de como abordar uma história bíblica, é cabível, Noé é um constante processo de reflexão, uma ficção cinematográfica que cria e recria histórias verdadeiramente ou não, e isso ao fim gera discussões, por isso respeito a opinião de todos aqui. Antes de conferir algo, pelo menos no meu caso, pesquiso sobre o que vou assistir, sobre o que vou comprar, sobre tudo, e o que trará de benefício ou consequência para minha integridade (justamente para não sair desapontado ou lesado), e este filme, sinceramente não surtiu nenhum efeito em mim, tenho minhas convicções, meus ideais e minhas crenças, tudo é muito supérfluo em Noé, é um filme que se esgota ali, em seus 130 minutos, subjetivos ou não, e isso não priva de ser um bom entretenimento. Portanto, se espera algo fiel recomendo que não assista e espere o filme O FILHO DE DEUS (como bem disse Sérgio Sarmento), mas se está em busca de um bom passatempo, Noé cumpre bem o papel de blockbuster. Com conceitos ou não, curti Noé como uma ficção, porque este Spin-Off sob a perspectiva de Darren Aronofsky sobre Noé, não passa disso, afinal se concentra, em particular, mais detalhadamente em apenas um aspecto, no tema especifico, o "Renascimento". Nota: 7.

12/04/2014 - Maura Raquel (32 anos)

  Péssimo
Denunciar
Detestei esse filme ridículo!

13/04/2014 - Andréa (36 anos)

  Não vi
Denunciar
Não vi e acabei de perder toda a vontade de ver! Li um comentário de que o filme era ótimo e assim não o seria se fosse feito conforme a história verdadeira! Que baita mentira! Quando assistimos um filme de um livro que lemos gostamos que o filme seja fiel ao livro! Diversos livros que li e que viraram filmes, eu sempre quis que respeitassem exatamente tudo o que estava no livro! Agora imagine a história de Noé escrita na Bíblia?! É óbvio que deveria seguir o que está escrito! Imaginei que o filme representaria exatamente tudo como aconteceu no Dilúvio, da mesma maneira que tentaram mostrar em detalhes o naufrágio do Titanic! Tudo isso é história e deve ser mostrada da maneira que realmente foi escrita!

13/04/2014 - Sandra (50 anos)

  Ruim
Denunciar
Penso que a partir que se usa fatos bíblicos para criar um filme ou segue aquilo e se pequisa a respeito ou faz um filme qualquer com um tema qualquer... Se este filme com todo o requinte de efeitos especiais tivesse apostado na história real, com pesquisas e tudo mais seria um belo e emocionante épico!

13/04/2014 - Giovanni (18 anos)

  Péssimo
Denunciar
Péssimo filme eles inventaram coisas que nem estão na bíblia sagrada na bíblia sagrada noé não jogou fogo na arca, nem quis matar os dois bebes porque não tinha. E noé não era violento sim noé construiu a arca os atores fizeram o filme para atrair as pessoas que não conhece a verdadeira história de noé

13/04/2014 - Sylvia Lopes (32 anos)

  Bom
Denunciar
Em comparação a CISNE NEGRO, não há como negar que Aronofsky dessa vez errou feio, com um filme didático sobre o personagem bíblico Noé. Mas, se ao invés de fazermos comparações com outros filmes, nos determos somente na aventura que é este aqui, a diversão é garantida. Os efeitos especiais são bem produzidos; as atuações estão apenas corretas, sem nada de excepcional; Russel Crowe, como sempre, dá o melhor de si, e é claro que não decepciona; a fotografia e a trilha sonora são excelentes, compatíveis com uma super produção. NOÉ não deve ser levado tão a sério, pois seu intuito maior é de apenas entreter (assim como todo blockbuster). Quanto ao elenco, os veteranos Anthony Hopkins e Jennifer Connelly foram mal aproveitados, mas se o enfoque era mesmo no protagonista, não havia como ser diferente; Logan Lerman, o filho deslocado, apenas repete o personagem de todos os filmes que participou, como aquele sujeito que não se encaixa no meio em que vive; há também o casal fofo Emma Watson e Douglas Booth, criados como irmãos, mas que acabam se apaixonando. Antes do dilúvio acontecer, a narrativa é monótona, se dividindo entre antes e depois do fenômeno. A construção da arca não convence ninguém, jamais um entrelaçado de gravetos daquela espécie protegeria quem quer que fosse de uma ocorrência natural tão grave. E o absurdo dos absurdos: quem protege Noé e sua família são pedras gigantes, que um dia já foram luz. Quer fantasia maior? A trama realmente não é tão fiel à história bíblica... Mas vale ser vista, com seus inúmeros momentos emocionantes e tensos. A trama peca também na cronologia dos fatos. Em questão de minutos, os filhos do patriarca crescem, a filha adotiva engravida e dá a luz em menos de meia hora e a esposa de Noé incrivelmente não envelhece (qual a receita pra isso?). A construção da arca e a passagem dos anos ocorrem à velocidade da luz, fazendo da história algo inverossímil. Na reta final, o personagem título torna-se tão obcecado em cumprir a profecia que transforma-se num monstro, a ponto de querer destruir a vida de seus próprios familiares, o que só demonstra que, assim como os demais pecadores do reino, a família de Noé também é falha e nem um pouco santificada, como se faz parecer no início de tudo. Mas esses furos não comprometem a boa qualidade da produção, uma versão moderna do milagre da criação e com inúmeros dilemas morais a ser discutidos. Com certeza não será lembrado como um dos melhores épicos, mas na lista dos piores também não entra. Recomendo!

13/04/2014 - Vanin (18 anos)

  Não vi
Denunciar
Nunca mais vou assistir esse filme tem filmes que só presta pra assistir uma única vez.

14/04/2014 - Julio Simi Neto (57 anos)

  Ruim
Denunciar
Êta filminho pra inglês dormir. Mude de sala, vá para outra é o fim de carreira de Russel Crowe.

14/04/2014 - Michael Carvalho Silva (38 anos)

  Não vi
Denunciar
Sempre tive um medo horrível desde criança que o mundo fosse destruído por um dilúvio. É justamente por isso que eu não tenho a menor coragem de assistir esse filme mesmo ele sendo estrelado pela mesma ótima dupla do filme "Uma Mente Brilhante, " os atores Russell Crowe e Jennifer Connelly novamente no papel de um casal casado e protagonista.

16/04/2014 - Ivan (49 anos)

  Péssimo
Denunciar
O filme mais desprezível que já ví. Péssimo! Recomendo apenas á pessoas de extremo mal gosto.

18/04/2014 - Diego (31 anos)

  Péssimo
Denunciar
Nada a ver com a real história, totalmente fora da realidade, totalmente sem noção e nem sequer mencionado o nome de Deus (Jeová). Monstros que nem sequer existem na história, fizeram de Noé um monstro, alguém sem total confiança em Deus. Totalmente podre o filme, eu e minha esposa detestamos, pois a história de Noé é muito bonita, não havia necessidade de acrescentar nada, já daria filme pra mais de 5 horas. Não recomente, se querem assistir tudo bem, mas não imaginem a verdadeira história da Biblia e sim um conto da cabeça desvirtuada de algum anticristo!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Noé (Noah)

Copyright © 2014 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.