Share on Google+

Um Homem Qualquer

  (Um homem qualquer)
Sinopse Jonas (Leão) está angustiado e não tem emprego. No limite do desespero, cogita tornar-se criminoso, planejando um sequestro com seu amigo Tico (Norival Rizzo). Lia (Nanda Costa), sua namorada, não gosta nada da ideia. Quem pode dar as respostas ao trio é Isidoro (Carlos Vereza), um ex-psiquiatra que se tornou morador de rua.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Um Homem Qualquer
Título Original Um homem qualquer
Ano Lançamento
Gênero Comédia / Drama
País de Origem Brasil
Duração90 minutos
Direção
Estreia no Brasil 31/08/2012
Estúdio/Distrib. Pipa Filmes

Elenco


... Jonas
... Lia
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


18/09/2012 - Sérgio Sarmento (59 anos)

1
  Regular
Denunciar
Assisti nesta tarde NO CINEMA quando do lançamento em minha cidade. Lamento em dizer que o filme não é bom. Defendo o cinema nacional " com unhas e dentes " pois sou um cinéfilo e conheço o cinema de todo o mundo e o nosso, como dramaturgia, não deve nada aos demais. Mas este filme não atingiu em nada ao bom cinema nacional. Penso que o grande culpado é o novato diretor Caio Vecchio que além de dirigir cometeu o crime de ser o co-roteirista do filme. Com isto o filme é mal dirigido e com um roteiro ruim ficou uma salada que não se entende nada. O filme tenta mostrar um ator Eriberto Leão, como Jonas, em conflito na cidade grande. Buscando na religião ( não é de graça que o nome Jonas foi retirado da bíblia ) solução para seus problemas como busca de fé e crença em Jesus. Para ajudar o protagonista coloca em sua trajetória um morador de rua e que outrora foi um grande médico psiquiatra. No papel está Carlos Vereza que também cometeu o crime de ser um dos três roteirista desta "coisinha". Coloca em cena uma novata, o filme é de 2009, NANDA COSTA. Que igualmente está totalmente perdida em cena. Mas da atriz Nanda eu adoro e que três anos após faria um papel muito semelhante a este em um filme espetacular chamado FEBRE DO RATO. Mas este tem diretor e se nome é o grande Claudio Assis. Baita diretor. Mas o pior está por vim. O roteiro de Caio Vecchio coloca um personagem do século 20. Um ex oponente do regime militar que gostaria de sequestrar um norte americano. É isto mesmo! Cruzes! É ou não uma salada? Claro que é. Mas só digo uma coisa. Se o diretor fosse um bom profissional. Teria feito desta coisa ruim que é o roteiro um bom filme sem dúvida. No mais só assista se é um cinéfilo como eu. Do contrário veja um filme melhor, pois temos em cartaz uma série de boas obras atualmente. Até...

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Um Homem Qualquer (Um homem qualquer)

Copyright © 2019 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.