Share on Google+

Somos o Que Somos

  (We Are What We Are)
Sinopse Em sua pequena cidade, os Parker são conhecidos por sua descrição e reclusão. Por trás das portas fechadas, o pai, Frank, conduz sua família com bastante severidade. Com a morte inesperada e brutal da mãe, as filhas mais velhas, Iris e Rose tem de tomar conta do irmão mais novo, Rory. Primeiro filme lançado com a grife Editora Darkside, especializada em terror e fantasia.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Somos o Que Somos
Título Original We Are What We Are
Ano Lançamento
Gênero Drama / Terror / Suspense
País de Origem EUA / França
Duração105 minutos
Direção
Estreia no Brasil 13/12/2013
Estúdio/Distrib. Europa Filmes

Elenco


... Emma Parker
... Hardware Clerk
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“I'll Pretend ”Escrita e Interpretada por Glen Morris
“A Child Alone ”Escrita por Eddie Eldon e Alfred T Picinni
Interpretada por Eddie Eldon
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

07/06/2014 - Michael Nataly (25 anos)

  Ótimo
Denunciar
Ótimo filme! Temas interessantes e tristes também. O fato das meninas serem forcadas a praticar canibalismo, assunto pouco relatado são cenas fortes que mexem com nossa imaginação. Nota.9,0.

10/06/2014 - Roberto (42 anos)

  Bom
Denunciar
Bom filme. Vale a pena conferir.

21/07/2014 - Giovani Macedo (24 anos)

  Ótimo
Denunciar
Muito bom, cenas excelentes, final perfeito, assistam que vale a pena.

04/08/2014 - Claudio (31 anos)

  Ótimo
Denunciar
Final chocante! Nota 8,0!

19/11/2014 - Francisco (31 anos)

  Ótimo
Denunciar
O filme me agradou muito, gostei.

17/01/2015 - Eliane (40 anos)

  Ótimo
Denunciar
Gostei muito, bom roteiro, boas atuações, final chocante. Recomendo.

16/03/2015 - André Brighi (29 anos)

  Ótimo
Denunciar
"Somos o Que Somos" é sem dúvida uma obra perturbadora. O diretor Jim Mickle, que também produziu "Stake Land - Anoitecer Violento" (2010) conseguiu apresentar a antropofagia de maneira original, tendo como pano de fundo uma família consumida pela culpa por ser como é, assim como bem descreve o título. O ritmo é lento e apavorante e o clima segue sempre fúnebre, até o desfecho surpreendente. A jovem e belíssima atriz Ambyr Childers tem um desempenho deslumbrante, assim como Julia Garner. O elenco ainda conta com Bill Sage, além do veterano Michael Parks. A trilha sonora complementa com chave de ouro. Recomendo, certamente!

10/05/2015 - Cris (30 anos)

  Ótimo
Denunciar
Esplêndido, terror como poucos já visto!

22/07/2015 - Nilton (40 anos)

  Ruim
Denunciar
De suspense não tem nada, ta mais para drama e ainda assim, bem chato.

19/09/2015 - Flávia (31 anos)

  Regular
Denunciar
Achei meio controverso... Mostrar Spoiler as meninas passam o filme inteiro se sentindo culpadas e pessoas ruins, dando a entender o tempo todo que não concordam com o canibalismo e só o praticam por medo do pai... Aí no final comem o pai e gostam, pois continuam o comendo? E depois vão embora da cidade levando o livro, indicando que de alguma forma irão continuar o estranho e perverso estilo de vida. Faria mais sentido se elas matassem o pai, mesmo a dentadas, mas apenas para se defender e depois fossem embora começar uma vida nova.

15/04/2017 - Felipe Hudh (31 anos)

  Ótimo
Denunciar
Incrível, violento, perturbador, final incrível. Nota 10!

17/05/2017 - Marcia (58 anos)

  Bom
Denunciar
Concordo com a Flávia. O filme até faz sentido até o fim, porém, o final eu achei estranho a atitude das meninas.

02/03/2018 - Ivan P. (68 anos)

  Regular
Denunciar
Mostrar Spoiler Ah, tá ! Tudo bem. Será mesmo? Aproveitando o que a Flavia diz (escreve), eu não vi elas carregando livro algum, mas, ir embora para onde? Começar uma vida nova onde? Onde morar? Elas tinham recursos? Mesmo sendo filme tem de ter uma certa lógica. Não é só jogar na tela e nós "engolirmos". Mas, eu gostei do filme, sim.

22/04/2018 - J . Celso (54 anos)

  Regular
Denunciar
Filme bem previsível, razoável!

04/11/2018 - Kassio Freitas (21 anos)

  Bom
Denunciar
Que filme tenso, eles nos fazem embarcar numa família nada comum e bem atípica. Há situações de extrema agonia, e com requintes de crueldade, não curti, achei ele maçante em sua maior parte, mas há boas cenas e tem uma trama pouco comum, ganhando pontos por isso.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Somos o Que Somos (We Are What We Are)

Copyright © 2020 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.