Share on Google+

15h17 – Trem para Paris

  (The 15:17 to Paris)
Sinopse História real de três homens cujos atos de extrema coragem os transformaram em verdadeiros heróis durante uma viagem de trem de alta velocidade. No início da noite do dia 21 de agosto de 2015, o mundo assistiu em silêncio às notícias de um ataque terrorista frustrado no trem Thalys #9364 com destino a Paris – que foi impedido por três corajosos jovens norte-americanos em viagem pela Europa. O filme acompanha a vida dos três amigos desde as dificuldades que enfrentaram na infância até a série de fatos incomuns que os levaram ao dia do ataque. Ao longo do inesperado desafio e da angustiante ameaça, a amizade entre eles os fortalece e se torna a sua maior arma, permitindo-lhes salvar a vida dos mais de 500 passageiros a bordo do trem. O heroico trio é formado por Anthony Sadler, Alek Skarlatos, da Guarda Nacional do Oregon, e Spencer Stone, piloto de primeira classe da Força Aérea Americana – e são os três amigos que interpretam a si mesmos no filme.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil 15h17 – Trem para Paris
Título Original The 15:17 to Paris
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem EUA
Duração94 minutos
Direção
Estreia no Brasil 08/03/2018
Estúdio/Distrib. Warner Bros. Pictures
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... Ayoub
... Alek
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


19/03/2018 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Ruim
Denunciar
Assisti NO CINEMA, nesta data, quando finalmente tivemos sua estreia em minha cidade na ultima quinta. Como vemos com uma semana de atraso em relação ao nível da nacional. Olha gente! Infelizmente, tristemente e "sem graça alguma" alguma, não gostei do filme deste lendário "homem DE CINEMA" que é Clint Eastwood. Amo de paixão mesmo o trabalho cinematográfico deste ícone norte americano. O último "dos grande" ainda vivo e trabalhando, com certeza. Cara que contribui enormemente para este que vós escreve a gostar. Mais do que isso! A amar de paixão uma arte tão espetacular que é O CINEMA. Lembro perfeitamente que conheci Clint Eastwood, então ele, aos 34 anos, e filmando na Itália com outra "sumidade" DO CINEMA que era o diretor Sérgio Leone (1929/1989) na famosa trilogia do "homem sem nome", ou ainda conhecida, como trilogia dos dólares". Estou falando dos três westerns que revolucionaram um gênero que estava "pedindo água" pois estava fenecendo e necessitando de oxigênio para sobreviver. E a dupla LEONE/EASTWOOD devolveram uma vitalidade impressionante com os filmes. Por Um Punhado de Dólares (1964), Por Uns Dólares A Mais (1965) mas principalmente com o magnífico, uma das obras clássicas DO CINEMA, que é TRÊS HOMENS EM CONFLITO (1966). Por isso me causa "um sabor amargo" criticar um filme desta "lenda viva", deste gênio, deste Homem que é Clint Eastwood. Mas este filme 15h! 7 - Trem Para Paris não é bom! Com este filme pessoal, ele dá por encerrado, acredito, a trilogia sobre o herói comum. Aquele ser anônimo que se torna herói epsódicamente (só naquele lapso de tempo). O filme vem se juntar ao SNIPER AMERICANO (2014) um belíssimo trabalho do diretor e que no site IF tem meu comentário em 19.02.2015 e com SULLY (2016) já ali, este era um trabalho menor, mas francamente de não se "jogar fora". E com comentário para o site IF em 20.12.2016. Acredito que o grande defeito do filme atual é a maneira arrastada, caricata, mas principalmente naquele lugar comum que chega a ser surpreendente a maneira como o grande diretor filmou tudo aquilo. Aquele clima totalmente pouco usual. E depois, não sei porquê, o senhor diretor e produtor. Ele é proprietário da MALPASO, uma das produtoras do filme. E depois Clint chamou para atuar, em seu filme. Aquelas mesmas pessoas que participaram naquele fatídico 21.08.2015 (se não estou enganado é neste dia) no trem de Amsterdã para Paris. Portanto um pessoal amador e que de maneira alguma acrescentou algo de extraordinário em todo aquele episódio filmado, mas de uma forma lamentável. E depois aquelas pessoas que ele "joga" no filme são totalmente caricatas. Falo logo no começo daquela professora e o diretor daquela escola. Caricatos até a medula! Aquela apresentação das homenagens no final. Caricato! Até a cena do atentado no trem que seria a única coisa boa de toda aquela "comédia bufa". Tem defeitos na continuidade, na formatação e no desenvolvimento. Enfim e terminando meu comentário para um filme aborrecido e visivelmente decadente. Diria que entendo o porque de após doze dias do filme em sua apresentação no Brasil só tem o meu comentário no site IF. O filme realmente é ruim meus queridos leitores que adoram meus comentários. Pois do contrário é favor não lerem este e qualquer outro que por ventura escrevi ou vir a escrever. Aqui com uma certa e delicada certeza vou ter que escrever meus dois aforismas prediletos. Mas principalmente O TENHO DITO... E ESCRITO (onde o escrito é mais importante). Cruz credo!

21/07/2018 - Sidney (26 anos)

  Regular
Denunciar
O maior problema foi a tentativa de fazer um filme, ficaria muito melhor num documentário.

22/07/2018 - de Melo (42 anos)

  Ótimo
Denunciar
Gostei e recomendo... O final compensa o início e o meio um pouco parado... Parabéns mestre Clint Eastwood.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

15h17 – Trem para Paris (The 15:17 to Paris)

Copyright © 2018 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.