Share on Google+

O Processo


Sinopse O documentário oferece um olhar pelos bastidores do julgamento que culminou no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil O Processo
Título Original O Processo
Ano Lançamento
Gênero Documentário
País de Origem Brasil
Duração100 minutos
Direção
Estreia no Brasil 17/05/2018
Estúdio/Distrib. Vitrine Filmes
Idade Indicativa Livre

Elenco


... A Própria
... O Próprio
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


28/05/2018 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Péssimo
Denunciar
Assisti NO CINEMA, nesta data, quando da sua segunda semana de sua estreia no mercado nacional. Olha! Filme profundamente lamentável "cidadão pagador de impostos" nesta legítima "ilha da fantasia" que se tornou, há mais de 25 anos, o Brasil. Uma coisa vós digo. Acompanho Política (em maiúscula, mesmo) há mais de 50 anos. Pois "sou filho" da ditadura de 1964. Mas esse "filme da Dilma" é um "chapa branca" de dar medo em qualquer pessoa meramente informada e que usa garfo e faca ao fazer suas refeições diárias. Filme que em absoluto trás alguma coisa de novo. A diretora Maria Augusta Ramo simplesmente se ocupou em filmar e copiar coisas que já assistimo a exaustão no ano de 2016 ano da queda da dona Dilma. Portanto de novo na existe nada em sua longa metragem. De pasmem! De 142 minutos de pura coisas já vista. E depois a diretora só se preocupa, em mais de dois terços da obra, em apresentar a defesa da ex-presidente DILMA. Esse filme é tão safado que não nos diz, de maneira alguma, que a deposição da senhora Rousseff começou com a população nas ruas, em 2013, 2014 e 2015 onde pedia a renúncia ou a deposição do pior presidente que esse pais já elegeu e que chamamos de Dilma Rousselft. E também NÃO diz, de maneira alguma, que ao final daquela sessão histórica, no senado, do impeachment e presidida pelo sr. Lewandowsky. Pois este senhor, juntamente com o presidente do senado, na época, Renan Calheiros, articularam, ao fim da sessão, NÃO casaram os direitos políticos da Dilma por dez anos. Este sim foi o golpe dado na Constituição de 1988 e que dizia, textualmente, que todo político cassado em seu mandato, deveria igualmente ter seus direito de liberdades políticas também cassado. Aliás foi o que aconteceu como então presidente Collor em 1992. Que ao ser cassado. Ficou longos 10 anos longe da facilidade em ser político eleito (ainda bem!). Mas o pior não foi isso! A herança que a eleição e o impedimento da dona Dilma nos deixou um vice presidente e que também foi eleito por quem elegeu a presidente e por dizerem, na campanha eleitoral, que seriam gente proba, honestas e que falava que agora não existiria mais roubos e corrupções no Brasil (cruz credo), como presidente, o senhor Michel Temer. Seguramente o pior de todos presidentes da história do Brasil. E isso, repito, diz quem acompanha "in loco" os (des)governos de todos os presidentes de JK (1956/1960) até Temer (2016/2018). Enfim e terminando mais um comentário para o site InterFilmes vós digo que esse filme O PROCESSO (2018) é um legitimo filme panfletário, imparcial, e que neste formato, jamais deveria ser produzido e apresentado NOS CINEMAS pagos deste lamentável e atrasado pais chamado Brasil. Pois SE NÃO PINTA NOS CINEMAS tenho certeza absoluta que NUNCA assistiria uma "comédia bufa" como é um documentário "chapa branca" como é este O PROCESSO (2018). Quem não for daquela "fila da lavagem cerebral". Por favor! Que fuja desta "coisa". Amém! Cruz credo! E uma ave-Maria como proteção!

06/06/2018 - Cassio (42 anos)

  Ótimo
Denunciar
Lamentável o comentário do senhor Sarmento, quem sempre leio aqui. Foi um golpe parlamentar, onde uma presidenta eleita (embora não estivesse fazendo um bom final de governo, mas entendo os motivos) foi derrubada sem crime de responsabilidade. O ódio antipetista que foi criado pela mídia deixa as pessoas curtiram. Aconselho o livro "A elite do atraso" e "A radiografia do golpe" para as pessoas realmente entenderem essa grande farsa chamada de impeachment sem crime de responsabilidade fiscal.

07/06/2018 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Péssimo
Denunciar
Ah! Pessoal! Só peço para não fazerem comentários desqualificando o meu comentário. Pois isso até é vedado pelo site InterFilmes em suas regras e em especial no capitulo 5 onde diz textualmente: " Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos". Isso é basilar para um bom intendimento de pessoas civilizadas. Respeito muito as opiniões dos colegas e com isso todos tem que respeitar a minha. Principalmente porque sou um "velho carcomido pelo tempo" e já assisti muita coisa na política nacional desde os anos 1960, portanto vemos uma vida nisso tudo. E por isso não tenho e nunca terei um (político) corrupto de estimação. Fiquem e exponha suas opiniões sem me DESTACAR. E depois não preciso ler nada do que se escreveu na imprensa tanto falada, como escrita e televisada e principalmente em livros altamente suspeitos que andaram escrevendo logo após o impedimento da dona Dilma em 2016. E por fim só peço por favor que me deixem fora de suas neuroses políticas sectárias, mas principalmente facciosas e absurdamente de um crendice doentia. Muito obrigado! Cruz credo!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

O Processo (O Processo)

Copyright © 2018 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.