Share on Google+

A Promessa

  (The Promise)
Sinopse Um triângulo amoroso surge em meio aos últimos dias do Império Otomano. Durante estes dias turbulentos, Michael, um estudante de medicina excepcional, e Chris, um renomado jornalista americano, vão disputar o amor da bela Ana.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil A Promessa
Título Original The Promise
Ano Lançamento
Gênero Drama / Épico
País de Origem Espanha / EUA
Duração133 minutos
Direção
Estreia no Brasil 11/05/2017
Estúdio/Distrib. Diamond Films
Idade Indicativa 16 anos

Elenco


... Mikael Boghosian
... Ana Khesarian
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Sari Siroun Yar ”Escrita por Kushan Ashot
Interpretada por Serj Tankian e the' Authentic Light Orchestra' with Vocals by Veronika Stalder
“Hayastan Yerkir (Ode à la patrie) ”Traditional
Interpretada por Jordi Savall
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários


11/05/2017 - Guilherme Silva (54 anos)

  Ótimo
Denunciar
Filme espetacular e bem real. Um drama que narra a saga de uma família de armênios, massacrados pelos turcos. Lição de história. Atores muito bons. Certamente será indicado ao oscar. Excelente.

12/05/2017 - Gustavo (36 anos)

  Ótimo
Denunciar
Belo filme! Belas paisagens e ambientação histórica, além de um carismático elenco. Além do romance contado, é interessantíssimo ao nos levar para a situação sofrida pelos armênios. Infelizmente, essa situação de povos marginalizados impera até os dias atuais. Muitas vezes uma intolerância silenciosa, mas devastadora.

15/05/2017 - Donaldo Coelho da Silva (74 anos)

  Ruim
Denunciar
Se não fosse pelo acontecimento da tragédia ocorrida com os armênios, onde cerca de 1.500.000 deles teria sido massacrada pelos turcos (que negam), o filme seria totalmente dispensável.

16/05/2017 - Donaldo Coelho da Silva (74 anos)

  Não vi
Denunciar
Só complementando o meu comentário, além da linda fotografia, não se vê no filme nenhum fumante, ao contrário dos filmes franceses, americanos e outros onde soltar uma fumacinha é praticamente obrigatório aos atores, provando esse filme que se pode fazer cinema sem a obrigação do uso do cigarro.

17/05/2017 - Sérgio Sarmento (63 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assisti NO CINEMA, nesta data, quando de sua estreia em nível nacional e efetivada, na real, na ultima quinta. Olha! Belo filme! É mais um melodrama de guerra. Um verdadeiro dramão (de meloso, mesmo). É tipo de filme bem convencional e que O CINEMA vem apresentando desde o século passado. Com sua tradicional tragédia de um protagonista e realizada, sempre, no momento certo. E eu adoro isso dai! O CINEMA! Viu pessoal? Também é realizado para este tipo de filme. Uma diversão pura! Sem compromisso com nada. É claro que "no pano" de fundo nos conta, nos apresenta, nos indica o primeiro massacre do século vinte perpetrado por um dos maiores impérios visto na história que foi o Turco Otomano contra o povo armênio. Onde! Pasmem! Foram trucidados um milhão e meio de armênios em 1915. Coisa que até hoje os turcos de maneira alguma aceitam como sendo eles os verdadeiros assassinos. É mais uma mentira que todos que se interessam por verdades devem saber. Os turcos otomanos foram os verdadeiros culpados pelas mortes anunciadas. Mas voltamos para nosso filme A Promessa (2016). O filme é uma notável produção da Espanha e EUA. Conta com uma linda fotografia. Produto das filmagens da Ilha de Malta (já assisti inúmeros filmes com filmagens nesta ilha e todos lindos pela topografia do lugar e um dia ainda farei um turismo por lá) em Portugal, Espanha e, ainda, nos EUA. Com um elenco bem afinado onde destaco este excelente ator guatemalteco que é Oscar Isaac e a atriz canadense, mas magérrima e de uma beleza curiosa chamada Charlotte Le Bon e do britânico Christian Bale que penso ser um baita ator, mas desta vez me pareceu com uma atuação descaracterizada, mas principalmente sorumbática e de doer como aquele reporte de guerra norte americano. Cruz credo! Por último duas coisas. Gostaria de dizer que é mais um filme que nos agrada em suas mais de duas horas de duração e que fico triste de não ter sensibilizado uma pessoa que respeito muito pela sua vivencia cinematográfica que é Donaldo Coelho da Silva. Mas dar um ruim para um filme deste calibre, senhor Donaldo? Confesso que você me deixou confuso e apreensivo com tudo isso! E por último dizer que aprendi a gostar dos armênios pelas escritas, pelo seu gosto pelo CINEMA, mas principalmente por ele ser um descendente de armênios. Falo do grande fundador da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo que foi Leon Cakofi (1948-2011). Grande sujeito mesmo! E VIVA O POVO ARMENIO!

18/05/2017 - Donaldo Coelho da Silva (74 anos)

  Não vi
Denunciar
Sarmento, assim que acabei de ler a sua crítica desse filme, abri o site do Jornal Folha de São Paulo e me deparei com o comentário do jornalista CÁSSIO STARLING que, assim como eu, também cotou o filme como "ruím", argumentando Ipsis litteris:
"A redução do conflito a ataques dos poderosos turcos aos indefesos armênios é usada como justificativa, enquanto o filme se detém numa trama que considera mais importante: acompanhar a historinha de um trio amoroso formado por um jovem médico idealista, uma garota europeizada e um intrépido jornalista americano". Concordo plenamente. Forte abraço, Sarmento.

18/05/2017 - Sérgio Sarmento (63 anos)

  Não vi
Denunciar
Tudo bem Donaldo! A sua opinião é isso mesmo e entendo e entenderei eternamente. Por isso é SUA opinião. Mas isto não impede de dizer: Você NÃO ENTENDEU o que escrevi como um (ou mais uma) opinião sobre A PROMESSA (2016) e muito menos este jornalista que escreveu a resenha que subscreveu acima e que não ENTENDEU, definitivamente, O FILME. Mas escrevo novamente minha opinião para você. Donaldo! O filme do veterano diretor britânico Terry George não pretendeu fazer teorias, ideologias e teses e mais teses sobre o conflito armênio x turco, longe disso. O veterano diretor, na sua modéstia, simplesmente procurou fazer um melodrama de três pessoas em meio ao conflito de abril de 1915, na Turquia, entre turcos x armênios. Um melodrama clássico, eu disse clássico, como vários que assisti no século passado. E este A Promessa (2016) TEM até uma tragédia com um de seus personagens. Situação bem clássica de filmes deste calibre. Um filme portanto passatempo, pipoca ou dramalhão (dos mais melosos que já assisti). A gente assiste se diverte e esquece como qualquer outro filme de diversão e sem procurar ou pensar que o filme "é sério" (Cruz Credo). Repito com todas as letras. O filme NÃO DEVE ser levado a sério. O FILME É SÓ DIVERSÃO! Mas tudo que você escreveu, em sua resenha, me faz recordar que há mais de trinta anos não leio absolutamente nada de qualquer critico profissional, pois entendo que tenho mais conhecimentos que todos eles (sem modéstia alguma, pois já assisti todos os filmes que possa imaginar). E já assisti mais filmes, NO CINEMA, do que TODOS estes críticos mequetrefes juntos. Pois atualmente. Pasmem! Está "fauna humana" não vai mais AO CINEMA. Pois ficam em casa assistindo, na indefectível televisão, gravações de filmes lançados NO CINEMA. Isto pode? Claro que pode! Mas posso dizer que se enganam a si próprios e todos aqueles que "perdem" seu tempo ao lerem o que escrevem. Cruz credo! Mas por favor! Um forte abraço, Donaldo, sempre um grande guerreiro! E não pense coisas ruins sobre minha pessoa e sempre me queira bem. Pois o que escrevi acima são só fragmentos de quem ama e amará eternamente O CINEMA. E sempre assistirá (não sei até quando, mas espero que por muitos anos) filmes NO CINEMA. O meu aforisma tem que ser pronunciado: E TENHO DITO.

19/05/2017 - Donaldo Coelho da Silva (74 anos)

  Não vi
Denunciar
Grande Sarmento, jamais vou pensar coisas ruins de você (cruz credo), mesmo porque estamos, apenas, fazendo comentários sobre esse ou aquele filme. E as nossas opiniões devem ser respeitadas. Divergências são sadias, ao contrário da unanimidade, que é burra, segundo Nelson Rodrigues. O melhor exemplo de divergência se deu, por diversos críticos, na análise do filme "CABANA" (não vi), muitos ótimos, e muito ruins, inclusive, você, Sarmento, desceu a borduna no filme (totalmente respeitável). Forte abraço.

28/05/2017 - Fátima Rabello de Sá (62 anos)

  Não vi
Denunciar
Sou apaixonada como vocês por cinema e assisto muitos filmes, mas não tenho tempo de postar sempre a minha opinião. Saiba Sarmento que não vejo um filme sem antes ver a sua opinião e concordo com você em dizer que sabe e entende muito mais de cinema do que esses atuais críticos.

28/05/2017 - Sérgio Sarmento (63 anos)

  Não vi
Denunciar
Vocês vão me desculpar por voltar nesta página novamente. Mas depois de palavras tão amáveis da Fátima acima só me faz escrever ainda mais sobre filmes em um espaço tão nobre como é o do site IF. Escrevo isso, pois as vezes penso em desistir disso tudo. Levo em conta uma pessoa, assídua em escrever neste site e meu perseguidor há mais de três anos neste mesmo site, ofende a mim em mais de uma vez e de uma maneira muito injusta ao me destratar amargamente quando do meu comentário de 25 passado para o filme Piratas do Caribe - A Vingança de Salazar (2017). E repito! Ao ler palavras tão carinhosa de Fátima de Sá, pessoa que conheço há mais de quatro anos, por este site IF, me revigora, ainda mais, para enfrentar elementos de índole tão má como é esta criatura sem qualquer pudor educacional e que proferiu palavras de um submundo aculturado para mim e para todas as pessoas de bem que o leram. Cruz credo! Um forte abraço, felicidades e um imenso carinho para você Fátima Rabello de Sá pessoa realmente que engrandece espaço tão nobre que o site InterFilmes nos proporciona.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

A Promessa (The Promise)

Copyright © 2017 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.