Share on Google+

Blade Runner 2049


Sinopse Trinta anos após os acontecimentos do primeiro filme, a humanidade está novamente ameaçada, e dessa vez o perigo pode ser ainda maior. Isso porque o novato oficial K (Ryan Gosling), desenterrou um terrível segredo que tem o potencial de mergulhar a sociedade no completo caos. A descoberta acaba levando-o a uma busca frenética por Rick Deckard (Harrison Ford), desaparecido há 30 anos.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Blade Runner 2049
Título Original Blade Runner 2049
Ano Lançamento
Gênero Ficção
País de Origem EUA / Reino Unido / Hungria / Canadá
Duração164 minutos
Direção
Estreia no Brasil 05/10/2017
Estúdio/Distrib. Sony Pictures
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... 'K'
... Sapper Morton
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Summer Wind ”Escrita por Johnny Mercer, Hans Bradtke e Henry Mayer
Interpretada por Frank Sinatra
“Peter And The Wolf ”Escrita por Sergei Prokofiev
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

12/01/2018 - Cristiano (42 anos)

  Péssimo
Denunciar
Caramba mais que piada é essa maluco? Filme sem nexo que bobeira! Nada a ver ter tido essa sequência TOSCO!

16/01/2018 - Weslley (27 anos)

  Ruim
Denunciar
Que filme lixo, sem nexo e totalmente lento, perdi 2:49 da minha vida vendo um exemplar de um filme escroto.

22/01/2018 - Julio Simi Neto (61 anos)

  Bom
Denunciar
Para quem não assistiu o 1º com certeza vai detestar esse, além de não entender nada. Então sugiro que procure o 1º Blade Runner de 1982 sob a direção de Ridley Scott e ai sim faça sua critica. É difícil termos uma continuação com a mesma pegada, mas neste Blade Runner 2049 o competente diretor Dennis Villeneve soube manter o incrível clima de um planeta Terra apocaliptico e a margia história dos replicantes. Parabéns.

30/01/2018 - Gustavo (41 anos)

  Regular
Denunciar
Monótono! Pouca ação!

03/02/2018 - Cri-crítico (50 anos)

  Péssimo
Denunciar
Deus me livre... Não consegui assistir mais da metade. Chato paka
Nota:1.

17/02/2018 - Andrew11000 (38 anos)

  Bom
Denunciar
É um pouco lento, não precisava durar mais de 2h30, mas ainda é um bom filme. O visual é muito bom, só faltou mais conteúdo pra preencher a duração do filme.

06/03/2018 - Alexandre (37 anos)

  Ruim
Denunciar
O filme é tecnicamente bom, fotografia, efeitos visuais e efeitos sonoros, mas o enredo e desenvolvimento do filme é ruim, ele é extremamente e desnecessariamente longo, o desenrolar do filme é muito lento e arrastado o que o torna cansativo, sonolento e uma verdadeira tortura assisti-lo até o fim.

01/04/2018 - Eduardo Cardoso (36 anos)

  Péssimo
Denunciar
Confesso que fiquei embasbacado com esse blade runner novo... Quem escreveu esse roteiro e quem é o diretor dessa porcaria? Como é possível que esse filme feito todo num computador super moderno tenha muito muito menos ação que o primeiro blade runner clássico de 82? Confesso que acho os roteiristas de hoje umas porcarias, mas esperava um monte de cenas de ação alucinantes e cenários fantásticos tipo o último Mad Max... Mas não, o que se vê aqui é um filme incrivelmente longo e assustadoramente parado! O ator principal e o vilão são inexpressivos e Harrison Ford parece nem saber onde está! Wow! Fiquei assustado com o que andam fazendo com os filmes ultimamente... Nota zero!

22/04/2018 - Marcio Duccio (43 anos)

  Péssimo
Denunciar
Esse filme seria uma ótima opção de tortura para a GESTAPO, cruz credo, quanta mediocridade em quase 3 horas de sofrimento... Não recomendo a ninguém gastar seu precioso tempo.

04/06/2018 - Delvex (49 anos)

  Bom
Denunciar
Parece que o filme foi feito para ser continuação fiel do primeiro. Mantendo sua narrativa detalhista e a melancolia em seus personagens. Apesar dos recursos tecnológicos para a gravação do segundo, consegue se manter fiel.

17/07/2018 - Luiz A. (70 anos)

  Regular
Denunciar
Filme cansativo poderia reduzir em pelo menos 45 minutos. História chata. Assisti até o fim porque teimosia.

21/07/2018 - Maurício (36 anos)

  Regular
Denunciar
O time ficou cansativo mesmo, por ser mais longo do que deveria, ter um roteiro com pouca ação e por ser este o estilo do diretor e também do filme, sendo fiel ao original. Quem vai gostar são alguns fãs do Blade Runner original. Eu achei razoável, gostei da ambientação, da escolha e da atuação de Gosling - que praticamente imita seu papel em Drive -, mas não gostei da atuação de Harrison Ford, que parece que desaprendeu de atuar depois de velho, como já havia acontecido em Indiana Jones 4.

31/08/2018 - Lautner Angelov (26 anos)

  Ótimo
Denunciar
Blade Runner, de 1984, sem dúvidas, é um filmaço! Muito bem feito; um colosso de nuances; um clássico. Assim, fazer algo posposto a isso não era uma missão impossível, mas também NÃO ERA UMA DAS MAIS FÁCEIS. Só para constar, houve movimento desde 1999 para uma sequência. Mas esta só foi anunciada, oficialmente, em 2011, encabeçada pelo grande Ridley Scott (o mesmo diretor do original)... Em síntese, quem acabou dirigindo foi o aclamado Denis Villeneuve, já aquele somente produziu. Blade Runner 2049, em resumo, é uma sequência que EXPANDE CONCEITOS E, AO MESMO TEMPO, RESPEITA A ESTRUTURA DO FILME ORIGINAL. É longo? Sim. MAS A PARTIR DO MOMENTO EM QUE VOCÊ PERCEBER QUE A OBRA E O CONTEXTO EM SI EXIGEM UMA TRAMA MAIS CADENCIADA, FICA MAIS FÁCIL APRECIAR E, QUEM SABE, GOSTAR DA FRANQUIA. A trama em si pode até parecer mirabolante, algo extremamente complexo, mas, na realidade, não é, porque o que temos aqui é uma CARGA DRAMÁTICA E EXISTENCIAL QUE SOBREPÕE A LINEARIDADE NARRATIVA, que poderia até ser um problema se não houvesse um diretor extremamente competente para demonstrar essas nuances - que muitas vezes vem acompanhada de muitos simbolismos - e atores igualmente competentes para interpretarem os personagens centrais. Acerca dos atores, só para não passar em branco, cito dois: Ryan Goslyng se sai muito bem como K - em Drive, 2011, já fez algo semelhante, em que um olhar, um gesto, sobrepuseram diálogos; e Ana De Armas que, além de linda, a cada novo filme dela que assisto, percebo uma nítida evolução em sua performance. Há todo um cuidado e zelo ao abordar esta temática EXISTENCIALISTA E FILOSÓFICA. A competência de Villeneuve (com seus enquadramentos de plano aberto) e a belíssima fotografia torna cada momento único e poético em 2049. Em suma, AMPLITUDE E PROFUNDIDADE CORROBORAM PARA UMA MAIOR IMERSÃO. Enfim, as nuances existentes em Blade Runner 2049 estão IMPLÍCITAS. Logo, a obra exige, sim, uma percepção mais aguçada de quem o assiste. Portanto, não o assista se estiver em busca de um "Guerra Infinita", por exemplo. "SE PODES OLHAR, VÊ. SE PODES VER, REPARA". Assim como o original, é um FILMAÇO. >>> Dica: Há três curta-metragens que preenchem a lacuna, o lapso temporal entre o filme original e esta sequência. Pra quem quiser, estes são os curtas: Black Out 2022, 2036: Nexus Dawn e 2048: Nowhere to run. Se indico? Se você tem apreço por este universo, sim, não só indico, como também afirmo que são experiências obrigatórias.

25/10/2018 - Felipe (32 anos)

  Regular
Denunciar
O primeiro foi legal esse ai perdeu-se a essência.

31/10/2018 - Marcelo Celo (41 anos)

  Péssimo
Denunciar
Filme é bem ruim não recomendo.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Blade Runner 2049 (Blade Runner 2049)

Copyright © 2018 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.