Share on Google+

Alita - Anjo de Combate

  (Alita: Battle Angel)
Sinopse Baseado no mangá Gunm, de Yukito Kishiro, Em um futuro cyberpunk com elementos apocalípticos, Alita, é uma ciborgue quase destruída que acaba sendo encontrada em um ferro-velho pelo caçador de recompensas Daisuke Ido. O homem a conserta e a adota como filha. Por isso, inspirada no pai adotivo, a garota torna-se uma caçadora de recompensas poderosa, graças a seu novo e resistente corpo biônico.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Alita - Anjo de Combate
Título Original Alita: Battle Angel
Ano Lançamento
Gênero Ação / Aventura / Romance
País de Origem Canadá / Argentina / EUA
Duração122 minutos
Direção
Estreia no Brasil 14/02/2019
Estúdio/Distrib. Fox Filmes
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... Alita
... Dr. Dyson Ido
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Swan Song ”Escrita por Robin Fredriksson, Junkie XL, Dua Lipa, Mattias Larsson, Justin Tranter e Kennedi Lykken
Interpretada por Dua Lipa

Trailer



Comentários


16/02/2019 - Naldo (32 anos)

  Ruim
Denunciar
2 horas muito mau aproveitadas o filme é fraco e vago.

17/02/2019 - Carlos Maurício (53 anos)

  Ótimo
Denunciar
Não ouvi muita coisa boa sobre o filme, mas fui assistir assim mesmo; confesso que gostei do resultado. Adaptar mangás para o cinema nem sempre tem final feliz. O diretor Robert Rodriguez conseguiu entregar um filme com visual muito bonito. Confesso que dele só gostei mesmo do Sin City, de 2005. Não há nada de extraordinário, a princípio, em Alita. Mas bastam apenas alguns minutos para que ela assuma outra expressão, transmitindo uma fúria insuspeita ao arrancar o braço de um androide malvado com um golpe violento para proteger o cientista que a salvou do ferro-velho, o Dr. Ido, interpretado por Christoph Waltz. Aliás, surpresa ao ver esse ator fazendo um papel de uma pessoa sensível; quase sempre ele faz papel de vilão. Apesar de não ter um roteiro muito bom, a ciborgue Alita encanta tanto por sua bela construção digital, quanto pela comprometida atuação de Rosa Salazar, que é cativante e empolgante. Acho que só a vi nas telas na série Maze Runner. Penso que ela deu força ao filme. Seus enormes e sonhadores olhos brilham como nunca quando a jovem experimenta seu primeiro pedaço de chocolate, mas também quando Alita entra em combate com os vilões do filme. Alita, Anjo de Combate, é um filme que merece ser visto nas grandes telas de cinema, como recomenda o nosso colega Sergio Sarmento (aliás, mais uma vez surpreso por ter assistido o filme antes de você, caro Sergio). Ambientado por volta do ano 2500, o filme mostra que vários personagens sonham em viver na avançada sociedade de Zalem, a única cidade voadora remanescente após A Queda, uma guerra que ocorreu 300 anos antes e que deixou os cidadãos menos abastados confinados na Cidade de Ferro, uma espécie de gueto marginalizado, empobrecido e dominado por Nova, que comanda Zalem. Muitas cenas de ação com lutas, em especial a que se passa no bar/subterrâneo entre Alita e um dos ciborgues vilões. Interessante também o jogo Motorball, que eu achei que ia render mais cenas. Enfim, achei um bom entretenimento. Pela cena final, deve ter continuação. Dou uma nota 8, principalmente pela empatia com a personagem Alita e o desempenho da atriz Rosa Salazar, que, tirando o papel secundário em Maze Runner, eu não conhecia.

18/02/2019 - Lucas Fera (22 anos)

  Bom
Denunciar
"Apesar de entreter, adaptação pode causar estranhamento para os leigos de mangás" Alita: Anjo de Combate é baseado em um mangá de 5 volumes segundo os leitores das hqs japonesas. A partir disso, é possível descrever o live action com uma história mal desenvolvida e com uma narrativa confusa. Mas isso dá pra aceitar, apesar de que teria feito mais sentido se fosse transformada em uma série. Além disso, senti que os atores foram mal desenvolvidos como Mahershala Ali e Jennifer Connelly. Aquele, que não convenceu em nada com seu personagem; apesar de ser um ótimo ator e esta, uma boa atriz, com uma personagem esquecível. Entretanto, dá para acompanhar a trama na medida do possível da mesma forma que questões técnicas são facilmente satisfatórias pelo público, como ambientação, efeitos especiais, trilha sonora e claro a atuação de Rosa Salazar. Ela, com toda aquela tecnologia de captura de movimentos, "camuflada" por CGI, expressa toda a sua beleza e talento que tem de sobra. No mais, é um filme divertido, mas pra quem não é chegado em mangás, poderá estranhar.

19/02/2019 - André (41 anos)

  Bom
Denunciar
Estava ansioso para assisti-lo, o interesse aumentou ainda mais depois do adiamento para este ano. Resumindo: Esperava mais, depois de tanto alarde com nomes de respeito tanto na direção, produção e atores. Além óbvio de se tentar recriar, basear-se em um clássico dos mangas.

21/02/2019 - Welinton (39 anos)

  Ótimo
Denunciar
Gostei do filme. Bons efeitos especiais! O filme de prende do início ao fim. Gostei!

23/02/2019 - Luciano Bahia (28 anos)

  Ótimo
Denunciar
O filme é visualmente incrível, a Alita te prende com seu jeito meigo e ao mesmo tempo guerreira. Assistiria várias vezes essa obra linda, só não curti o par romântico dela, de resto dou nota 10 ao filme.

03/03/2019 - Sidney (26 anos)

  Ótimo
Denunciar
Gostei muito do filme, bastante ação, ótimas lutas e personagens carismáticos. Produção impecável da Fox.

05/03/2019 - Carlos Feitoza (45 anos)

  Ótimo
Denunciar
O filme é muito bom. As pessoas estão ficando exigentes demais, querem que todo filme seja perfeito. Esse filme é entretenimento certo, o show visual é de encher os olhos, cada cena, cada ciborgue e os efeitos especiais relacionados ao corpo robótico da Alita são espetaculares. Também não achei a história ruim. Vale a pena o ingresso, principalmente em 3D.

06/03/2019 - Matheus (28 anos)

  Ótimo
Denunciar
Não sou "perito" em mangá, nem conhecia a história em questão, mesmo assim pude aproveitar ao máximo essa experiência. O filme é incrível. Muito bem feito, com uma história rica e uma personagem profunda, o filme encanta e entretém o espectador. Não sei o quanto do mangá foi contado no filme, mas certamente há espaço pra mais. E assim espero, que venha o 2. A qualidade visual também é alto nível. Toda a cidade, as cidades elevadas, os ciborgs, incluindo Alita, e as partes de Motorball são muito bem feitas. As lutas e a interação humana com a parte virtual é perfeita. Vale a experiência! É um filme pra todas as idade.

07/04/2019 - Gomes (48 anos)

  Ótimo
Denunciar
SENSACIONAL, filme de ficção que atualmente foge das mesmices de hollywood, a mistura de humanos com ciborg esta nota 10, olha que faz tempo que não vejo um filme pra depois de 1 semana vê-lo novamente, esse da gosto você rever varias vezes.

19/06/2019 - Cristiano (44 anos)

  Ruim
Denunciar
Bem fraco! Totalmente sem nexo!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Alita - Anjo de Combate (Alita: Battle Angel)

Copyright © 2019 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.