Share on Google+

Bom Comportamento

  (Good Time)
Sinopse O plano de Constantine Nikas (Robert Pattinson) era assaltar um banco e descolar uma boa quantia em dinheiro, mas nada sai como o planejado e seu irmão mais novo acaba sendo preso. Decidido a resgatá-lo, Constantine embarca em uma perigosa corrida contra o relógio, e onde ele mesmo é o próximo alvo da polícia.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Bom Comportamento
Título Original Good Time
Ano Lançamento
Gênero Policial / Drama
País de Origem EUA
Duração101 minutos
Direção /
Estreia no Brasil 19/10/2017
Estúdio/Distrib. Paris Filmes
Idade Indicativa 12 anos

Elenco


... Connie Nikas
... Nick Nikas
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


21/10/2017 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assisti NO CINEMA nesta data quando de seu lançamento no Brasil, mas tão somente em algumas cidades privilegiadas como a minha. Ainda bem! Olha! A gente que assiste tantos filmes. Ficamos na espera de um grande e surpreendente filme toda vez que adentramos nestas sala maravilhosas e que por enquanto ainda podemos chamar DE CINEMA. É coisa rara, este dia, mas um dia sempre terá que acontecer. E sempre vai acontecer! Pois não é que aconteceu neste dia 22 de outubro de 2017. Um sábado triste e chuvoso em minha cidade. Assisti hoje um grande filme! Um dos melhores do ano. Estou feliz, pois este é o filme de número 326 que assisto NO CINEMA neste ano. E por isso posso dizer do meu entusiasmo por mais este monumental filme. Muitas vezes neste próprio ano ou até em passados, até aqui no site IF, leio comentários totalmente sem embasamento da verdade, de que o ano não é bom em matéria de filmes. Ora, isso é uma bobagem inqualificável, pois são pessoas que assistem um, dois, dez, vinte ou 50 (se muito) filmes no ano. Quero dizer que só alguém que assiste muitos filmes podem fazer certas afirmações sem cair no ridículo. Mas volto para Terra para dizer: Este Bom Comportamento (2017) é um excelente filme. É o primeiro filme dos irmãos Benny e Josh Safdie que assisto. Eles já realizaram 3 longas metragens. Mas só chegou aos CINEMAS este que vi neste sábado e Amor, Drogas e Nova York (2014). Mas este não chegou em minha cidade. Existem filme elogiados e merecidos como Em Ritmo de Fuga (2017) do bom diretor britânico Edgar Wright que assisti e realizei um comentário de um entusiasmo, de minha parte, e de rara felicidade, para o site IF em 31.07.2017. Mas o filme do britânico é uma diversão. Uma coisa que O CINEMA propicia dentro "dele" mesmo. E por ser O CINEMA uma arte de diversão. Mas a obra Bom Comportamento (2017) é um filme impactante, de uma realidade pouco vista em tela grande. Mostra um submundo que todos nos não estamos acostumados. Falo de submundo social. Da droga, do roubo, da esperteza, da violência e da loucura. O filme é um painel da vida "escondida" (que a imprensa pouco divulga da sociedade norte americana onde o glamour esta sempre na frente). Por isso vemos a importância deste filme e por ser uma produção independente. Um filme até modesto. E filmado praticamente sempre a noite para dar um realismo exemplar e ser bem mais econômico. É, igualmente, um filme que sedimenta o talento destes dois jovens irmãos diretores que são Benny e Josh Safdie. Mas é um filme tão especial que faz mais, ainda. Solidifica a carreira cinematográfica deste ator "que não dava um tostão furado" e que chamamos de Robert Pattinson. Que para mim e que assisti todos os seus filmes que chegaram ao Brasil, NO CINEMA, posso garantir que é o seu melhor papel cinematográfico de "toda sua carreira" e que começou nos indefectível filmes da saga Crepúsculo (aquela dos vampirinhos que nunca disseram para o que vieram). Vocês sabem por quê o ator em questão se saiu melhor. Bem melhor que nos filmes anteriores? Acontece que neste trabalho o filme é superior a todos os outros dele. A obra cinematográfica fala por si. Não depende "só" de sua atuação. Em síntese! O filme é MAIOR que ele. De maior de que Robert Pattinson. Mas tem igualmente um diretor que trabalha como ator. Falo de BENNY SAFDIE que faz um papel de irmão e deficiente do protagonista vivido por Pattinson. Mas este "louco" que ele representa o faz tão bem que em principio, por não conhece-lo, pensamos que ele é retardado mesmo. E nisso a primeira cena do filme é emblemática. Pois a câmara de filmar é colocada no rosto do diretor/ator de uma maneira dramática. Fazendo com isso uma das cenas mais curiosas deste filme surpreendente. Outra grande qualidade do filme é sua música. Composta de sons metálicos, não definidos, que causam um impacto persistentes naquelas cenas mais realistas do filme. Enfim, é mais um "baita" filme e tudo que escrevermos sobre ele poderá se tornar redundantes aos olhos de quem ler. Mas posso encerrar dizendo que é filme que, por sua temática, não teremos um publico necessário para se emocionar com aquelas cenas que assistimos NO CINEMA. Mas isso só posso lamentar por este "estado de coisas" (digo assim para não ofender ninguém, o que não é de TODO direito meu). E na lógica terminar com um dos meus aforismos prediletos: E TENHO DITO!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Bom Comportamento (Good Time)

Copyright © 2017 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.