Share on Google+

Barreiras

  (Barrage)
Sinopse Catherine volta, depois de dez anos, a Luxemburgo para rever a filha Alba, criada por sua mãe, mãe de Catherine. Alba age de forma fria e distante com essa estranha que aparece inesperadamente em sua vida, assim como Elisabeth, que deseja proteger a neta. Catherine, então, decide sequestrar Alba.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Barreiras
Título Original Barrage
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Luxemburgo / Bélgica / França
Duração112 minutos
Direção
Estreia no Brasil 23/11/2017
Estúdio/Distrib. Pandora Filmes

Elenco


... Catherine
... Alba
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


03/12/2017 - Sérgio Sarmento (64 anos)

  Regular
Denunciar
Assisti NO CINEMA no dia de ontem quando da estreia (uma semana de atraso em relação ao nacional) em minha cidade. Olha! Vamos mais uma vez ser realmente honesto. O filme não é bom! Com um bom argumento e absolutamente perfeito para ser um grande filme. A obra simplesmente naufraga absurdamente. O roteiro nos apresenta o conflito de três gerações. O qual seja: O familiar entre avó, filha e neta. Existe coisa melhor que isso? Pode até existir! Mas este é genial! Acredito que a "mão pesada" da diretora não levou ao bom termo tudo isso. A diretora Laura Schroeder, nascida em 1980 no Luxemburgo, faz aqui o seu segundo filme. O primeiro passou longe das telas DE CINEMA no Brasil e levou o nome de O Tesouro de Melusina (2012). Mas esse Barreiras ela não foi feliz. Mas independente disso vejo dois grandes méritos em seu filme. O primeiro e mais uma vez recolocar duas atrizes em cena. Falo da sempre ótima Isabelle Huppert e sua filha (na vida civil) na ficção, Lolita Chammah. O último trabalho das duas juntas foi em Copacabana (2010) e que comentei para o IF em 08.10.2011. Aliás o filme este filme atual é desta belíssima atriz que é Lolita Chammah. Pois sua mãe, e na vida real, Isabelle Huppert é coadjuvante neste Barreiras (2017). Mas também e igualmente vemos um atriz mirim muito boa. Falo de Themis Pauwels e que devido ao corte nos cabelos. A cor da pele, dos olhos e a maneira que se porta em cena é muito parecida com a atriz Lolita Chammah. O segundo é último mérito é que Barreiras (2017) vai concorrer, na preliminar, como melhor filme estrangeiro ao Oscar 2018 pelo pais e Estado soberano Luxemburgo. Enfim, é mais um filme que se esperava muito (pelo seu argumento) e que de maneira alguma chegamos ao bom termo em tudo aquilo. Cruz credo!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Barreiras (Barrage)

Copyright © 2017 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.