Share on Google+

Um Dia

  (Egy nap)
Sinopse Anna, mãe de três filhos, está sempre correndo: do trabalho para o berçário, a escola, o balé, a aula de esgrima. Como se não bastasse, ela suspeita que está sendo traída pelo marido. Seus problemas são bastante comuns, mas Anna simplesmente não tem tempo para parar e refletir sobre eles, que se acumulam continuamente, ameaçando esmagá-la. Ela precisa ter muita energia para seguir em frente.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Um Dia
Título Original Egy nap
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Hungria
Duração99 minutos
Direção
Estreia no Brasil 11/10/2018
Estúdio/Distrib. Zeta Filmes
Idade Indicativa 12 anos

Elenco


... Anna
... Szabolcs
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


13/10/2018 - Sérgio Sarmento (65 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assisti NO CINEMA, nesta data, quando da apresentação no sábado pela manhã e no programa Clube do Professor do Espaço Itaú de Cinema de minha cidade. Olha! Filme sensacional! Filme criativo, intimista e que transmite a realidade em um dia e que poderia ser de muitos, na vida de uma família de uma mãe, de um pai (onde?) e seus três filhos pequenos em um pais chamado Hungria. Mas que e sem favor algum, poderia ser em qualquer pais do mundo. Inclusive neste pais curioso, de neófitos e profundamente atrasado, mas que está sempre (aleluia) procurando de uma maneira ou de outra ser uma nação civilizado. Falo, é claro, do nosso Brasil! O filme Um Dia (2018) da sensível, apaixonante, belo e inteligente da diretora húngara Zsófia Szilágyl tem mais um predicado "monstruoso" que é a atuação desta bonita e talentosa atriz húngara de nome Zsófia Smarmosi. Que atuação tem esta mulher. E que é totalmente desconhecida deste outro lado do Atlântico e em especial em uma nação como é o Brasil. O trabalho dela é tão vibrante, que pensamos realmente, que é ela a mãe daquelas três crianças. Mas isso, igualmente não é o fundamental. A coisa é mais absurda, quando mesmo os pequenos, tendo pai, ele é totalmente ausente no trato daquele lar que se encontra aos frangalhos. O pai ausente tem como ator Leó Furendi que com aquela cara de uma pessoa que parece que está sempre morrendo. Boa, magnifica, igualmente a atuação deste ator. Mas o Sol, a magnitude do filme é da mãe Anna. Vivida, não canso de escrever, que é o da atriz Zsófia Szamosi. Enfim e terminando mais um comentário para o site. Digo que esta crônica familiar e que poderemos encontrar até em um vizinho de nossa rua. Naquele lugar mais recôndito. Mais remoto por assim dizer. Mas mesmo assim vós digo que poucas pessoas assistem. Pois mesmo em uma sessão especial que assisti e com pessoas "diferenciadas" podemos afirma que houve gente que saiu antes da hora e que principalmente "torceram o nariz" para um roteiro tão memorável de criativo como foi o deste filme húngaro visto em uma manhã de sábado. Mais uma vez só posso lamentar e escrever: Cruz credo!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Um Dia (Egy nap)

Copyright © 2018 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.