Share on Google+

Selma - Uma Luta Pela Igualdade

  (Selma)
Sinopse Cinebiografia do pastor protestante e ativista social Martin Luther King, Jr (David Oyelowo), que acompanha as históricas marchas realizadas por ele e manifestantes pacifistas em 1965, entre a cidade de Selma, no interior do Alabama, até a capital do estado, Montgomery, em busca de direitos eleitorais iguais para a comunidade afro-americana.

Share on Google+

Informações


Título no Brasil Selma - Uma Luta Pela Igualdade
Título Original Selma
Ano Lançamento
Gênero Drama / Épico
País de Origem Reino Unido / EUA
Duração128 minutos
Direção
Estreia no Brasil 05/02/2015
Estúdio/Distrib. Disney / Buena Vista
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... Dr. Martin Luther King, Jr.
... Coretta Scott King
... Gunnar Jahn
... Girl #1
... Girl #2
... Girl #3
... Girl #4
... Girl #5
... Boy #1
... Annie Lee Cooper
... Registrar
... President Lyndon B. Johnson
... Lee White
... President's Secretary
... Andrew
... Bayard Rustin
... Ralph Abernathy
... James Orange
... Diane Nash
... James Bevel
... Amelia Boynton
... Assaulting White Man
... Chief Wilson Baker
... Frederick Reese
... J. Edgar Hoover
... Mahalia Jackson
... Sullivan Jackson
... Jackson's Daughter
... Richie Jean Jackson
... Rev. C.T. Vivian
... Rev. Hosea Williams
... Roy Reed
... John Lewis
... James Forman
... Jimmie Lee Jackson
... Cager Lee
... Viola Lee Jackson
... Sheriff Jim Clark
... Gov. George Wallace
... Aide
... Malcolm X
... Col. Al Lingo
... Major Cloud
... Voice on Recorder (voz)
... James Reeb
... Marie Reeb
... Viola Liuzzo
... Anthony Liuzzo
... Gerry
... Angry Marcher
... Fred Gray
... John Doar
... Archbishop Iakovos
... Reeb Companion
... Klansman #1
... Klansman #2
... State Attorney
... Female Marcher
... ABC Journalist
... White Marcher
... Black Marcher
... Marcher
... Elder Marcher
... Self Defense Trainee
... Self Defense Trainee
... Volunteer Doctor
... Angry white woman (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Civil Rights Protestor (não creditado)
... beaten Marcher (não creditado)
... O Próprio (não creditado)
... O Próprio (não creditado)
... Triage Doctor (não creditado)
... Protestor (não creditado)
... Male Marcher (não creditado)
... Alabama State Trooper / Selma Alabama Police (não creditado)
... Montgomery Police Officer (não creditado)
... Congressman (não creditado)
... Marcher / Lady in Jail / Recorded Voice at Church Funeral (não creditado)
... Racist Spectator / White Marcher / Press background. (não creditado)
... Judge Secretary (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Husband Mahalia Jackson (não creditado)
... Church / Funeral Attendant (não creditado)
... Church Attendant / Funeral Attendant (não creditado)
... Montgomery Police Officer (não creditado)
... National Guardsman (não creditado)
... O Próprio (não creditado)
... Alabama State Trooper (não creditado)
... Racist White Spectator (não creditado)
... Civil Rights Marcher (não creditado)
... Reporter / Movement Marcher (não creditado)
... Senator (não creditado)
... Senator in U.S. Capitol Chamber (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Alabama State Attorney (não creditado)
... Attendee at Wallace Press Conference (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Husband (não creditado)
... Extra at Court House (não creditado)
... Senator (não creditado)
... AA eFx Marcher (não creditado)
... Deputy Sheriff (não creditado)
... Funeral Attendant (não creditado)
... Court room attendant (não creditado)
... Deputized Klansman (não creditado)
... Vice President, Hubert Humphrey (não creditado)
... Stand-in (não creditado)
... Protester (não creditado)
... Racist Spectator (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... SNCC Member (não creditado)
... Deputized Klansman (não creditado)
... Triage Nurse (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Senator John J. Williams (não creditado)
... Demonstrator (não creditado)
... Reporter (não creditado)
... Deputy Sheriff / Sheriff Posseman (não creditado)
... Male Marcher / Racist White Spectator / FBI Agent (não creditado)
... National Guardsman (não creditado)
... Civil Rights Activist (não creditado)
... On Looker (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... Congressional Aide (não creditado)
... Marcher / Protester / Prisoner and Funeral Guest (não creditado)
... Elder Marcher (não creditado)
... Judge Frank Minis Johnson (não creditado)
... White Supporter / Singer (não creditado)
... Female Marcher (não creditado)
... Man on Street (não creditado)
... Courthouse Marcher (não creditado)
... Sheriff Posseman (não creditado)
... Female Marcher / Funeral Attendee (não creditado)
... White Marcher / Townsperson / Angry Protester (não creditado)
... Prisoner (não creditado)
... Marcher (não creditado)
... White On-looker (não creditado)
... Registered Nurse (não creditado)

Trilha Sonora


“One Morning Soon”Traditional
Interpretada por Joyce Collins & Johnita Collins
“House of the Rising Sun”Escrita e Interpretada por Duane Eddy
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

08/02/2015 - Ivana Monteiro (36 anos)

  Regular
Denunciar
Mesmo concorrendo ao Oscar de melhor filme, Selma é maçante e sem emoção. Esperava muito mais do filme.

13/02/2015 - Dida (33 anos)

  Regular
Denunciar
Apesar de toda veracidade, todo desempenho do elenco, parece que faltou alguma coisa. Em alguns momentos ficou bastante cansativo e até chato. A trilha sonora é bom e a fotografia também. Esperava bem mais do filme.

14/02/2015 - Carlos Red (36 anos)

  Bom
Denunciar
Esqueça Brad Pitt, Tom Cruise, Scarlett Johansson, Keanu Reeves, eles são apenas celebridades, mas assisto os filmes por causa, eles nunca serão grandes atores, mas lembrem, lembrem desse nome: David Oyelowo, que teve um papel brilhante como Martin Luther King Jr, seja sua aparência física e trejeitos, mas ele interpretou com a alma, e não foi indicado a melhor ator. Os seus discursos são incessantes e motivantes para toda uma geração, não foram sonhos rasgados sob os seus pés, ele falou com alma, clamando: para sentar no mesmo lugar que um branco, poder andar no mesmo parque, sentar no mesmos ônibus, pela liberdade, igualdade, pela vida. Sua voz é esmagadora, e envergonhava o estado em que se encontravam os civis americanos: divididos pela cor de pele. Gritem sempre, gritem agora, pois o amanhã sempre recomeça!

17/02/2015 - André Brighi (29 anos)

  Regular
Denunciar
Finalmente tive a oportunidade de assistir a "Selma - Uma Luta Pela Igualdade", concorrente a 2 Oscar 2015, incluindo "Melhor Filme". Contudo, das oito produções indicadas nessa categoria (felizmente consegui apreciar todas), "Selma" certamente é a mais fraca, em minha humilde opinião (dessa maneira, ouso discordar do brilhante crítico de cinema, sr. Sérgio Sarmento). Apesar da importância histórica de Martin Luther King, da belíssima trilha sonora e da ótima atuação de David Oyelowo, que já teve outras boas aparições nas telas como em "Jack Reacher – O Último Tiro" (2012) e "Planeta dos Macacos: A Origem" (2011), considerei o filme monótono e arrastado em alguns momentos. Não é uma obra cativante, talvez até pela grande expectativa que criei e que infelizmente não se confirmou. Recomendo, mas somente por aspectos históricos.

21/02/2015 - Nilson Jr. (50 anos)

  Ótimo
Denunciar
Em meio as cinebiografias atuais, Selma surge diferente, pois não objetivou o ser humano Martin L. King e sim o político racional. O período escolhido também merece atenção. Seria fácil abordar o líder pelo prisma de sua morte prematura, fazendo dele um mártir, ou tomando como ponto de partida o célebre discurso “I Have a Dream”, retratando-o como ícone, mas a diretora Ava DuVernay prefere um momento igualmente importante, mas menos midiático, e muito complexo do ponto de vista político: a marcha de Selma a Montgomery, no Alabama, pelo direito do voto aos cidadãos negros. O episódio foi marcado por conflitos políticos dentro da própria militância negra (principalmente sobre o uso da violência em protestos) e entre o presidente e os governos, enfim Selma é um filme político, não por tratar de personagens políticos em sua história, mas por defender uma ideia essencialmente engajada. Ótimas atuações e fotografia. Quem sabe agora, os telespectadores possam entender um pouco da motivação de cotas étnicas na educação.

21/02/2015 - D D Jack (37 anos)

  Regular
Denunciar
O filme valeu a pena porque tudo o que sempre foi feito para abolir os direitos dos negros é simplesmente abominável e inaceitável. David Oyelowo está perfeito como Martin Luther King Jr. Mas o filme em si não empolga, acho que poderia ter despertado mais emoção, o que não aconteceu.

23/02/2015 - Nay (19 anos)

  Ótimo
Denunciar
Não espera muito, mas achei muito lindo esse filme! Me emocionei ainda mais por se tratar em fatos reais.

13/07/2015 - Henrique (57 anos)

  Bom
Denunciar
Enfim assisti Selma, que legal saber em detalhes sobre Martin Luther King Jr e sua importância sobre os direitos dos negros, durante o filme senti que estava com eles naquelas marchas e sofri com eles (sou branco e senti um repudio tão grande), as vezes um tanto arrastado sim, mas sem dúvida um grande filme.

07/09/2015 - Nilton (40 anos)

  Regular
Denunciar
Como filme histórico, é um bom filme, mas achei meio arrastado. Enfim, se não tiver nada melhor, pode assistir.

16/12/2015 - Bessa38 (77 anos)

  Ótimo
Denunciar
Retrato sincero de um homem integro, com seus ideais e suas indecisões, normal, afinal um ser humano, defendendo direitos, dentro de um país EXTREMAMENTE racista e Desigual. NEGROS e ÍNDIOS, assim como no Brasil não tem vez, somente serviram para o serviço mais bruto e que o BRANCO, não quis e não quer fazer. Roteiro muito bem elaborado, trilha sonora de extrema delicadeza, direção segura e correta, além de um elenco competente. E dizer, que fora do continente africano, os EUA, é o único pais branco, em sua pretensão, a ter um presidente NEGRO, BARACK OBAMA. Deve ser para eles, com sua arrogância, um ULTRAJE.

22/01/2016 - Julio Simi Neto (59 anos)

  Regular
Denunciar
O filme se passa nos anos 60, auge do problema racial dos EUA e o foco é Martin Luther King, pessoas como ele hoje em dia não existe mais. Enfim, como fato histórico e mensagem, Selma encaixa, mas sem dúvida é um filme que acaba se arrastando. Mesmo assim, para que gosta da história e conflitos racial nos EUA, vale a pena.

16/05/2016 - Sandro Pimentel (35 anos)

  Bom
Denunciar
Belo filme! História inspiradora e comovente, ótimas atuações. Achei o filme um pouco longo e algumas cenas bem lentas, mas nada que atrapalhe. Recomendo!

01/06/2016 - Luan (19 anos)

  Regular
Denunciar
Emociona em certos momentos e é extremamente bem dirigido, escrito e atuado. Tem uma ótima msg contra o preconceito e retrata muito bem a inspiradora história de Martin Luther King, Jr. , mas é muito lento e em certos momentos até entediante. Vale a pena ver se você se você quiser aprender mais sobre essa história verídica e por alguns momentos interessantes.

11/03/2017 - Felipe Hudh (31 anos)

  Ótimo
Denunciar
Meio parado, mas um filmaço.

23/02/2020 - Lucas Fera (23 anos)

  Ótimo
Denunciar
O filme nos coloca na pele do próprio Luther King que "deu sua cara a tapa" para acabar com a segregação racial fortemente presente nos EUA na década de 60. King foi um homem corajoso; um homem de ação que fazia mais do que falava. Não ficava com discursos vazios e forçados. Ia pra "guerra" com afinco e determinação. Com certeza um dos maiores avatares que já pisaram na Terra. O próprio sentia dificuldades para cumprir sua missão enquanto o próprio governo dos EUA ficava "em cima do muro" ou então inventava desculpas para não ajudar a acabar com a segregação; isso sem falar do próprio racismo de alguns deles. Enfim, senti falta do famoso discurso I HAVE A DREAM. Entretanto, é um filme importante.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho, mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiter? Sim / Não     Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:

Últimos Visitados

Selma - Uma Luta Pela Igualdade (Selma)

Copyright © 2020 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.