Amor, Sublime Amor

  (West Side Story)

Sinopse


Um triunfo em todos os níveis, esta obra magnífica criou um novo padrão para os musicais modernos que nunca foi superado. Com uma trilha sonora inesquecível (Maria, America, Somewhere, Tonight) e uma coreografia inovadora, um filme que conta a tragédia de Romeu e Julieta em uma situação de rivalidade entre duas gangues de rua: os Jets e os Sharks. Quando Tony (Richard Beymer), da gangue dos Jets, apaixona-se por Maria (Natalie Wood), que é irmã do líder dos Sharks, a violência toma conta e sangue inocente é derramado em um final comovente.

Informações


Título no Brasil Amor, Sublime Amor
Título Original West Side Story
Ano Lançamento
Gênero Policial / Drama / Musical / Romance / Suspense
País de Origem EUA
Duração152 minutos
Direção /
Estúdio/Distrib. Fox Home

Elenco


... Maria
... Tony
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Overture”(1957) (não creditada)
Composta por Leonard Bernstein
“Prologue”(1957) (não creditada)
Composta por Leonard Bernstein
>> Ver toda a Trilha Sonora...

Trailer



Comentários



  >> Ver todos os Comentários...

04/02/2011 - Márcia (23 anos)

04/02/2011
Márcia (23 anos)

7
  Ótimo
Denunciar
Já vi três vezes, e até hoje fico deslumbrada por esse filme... Maravilhoso, sem mais!

17/08/2011 - Lenaildes (59 anos)

17/08/2011
Lenaildes (59 anos)

8
  Ótimo
Denunciar
Demais!

05/09/2011 - William (57 anos)

05/09/2011
William (57 anos)

9
  Ótimo
Denunciar
West Side Story é um marco na filmografia de musicais como Singing in Rain fora nos anos 1950. A beleza dos movimentos de coreografia intensos como a juventude da época revelam pela primeira vez a street dance dos becos novaiorquinos e o confronto das gangues Sharks e Jets tão comuns nos bairros pobres de imigrantes e americanos. A musicalidade em Maria, Somewhere e Tonight emolduram a beleza latina de Natalie Wood em um de seus melhores filmes. Vale a pena ver e sonhar.

01/02/2012 - Catarina (18 anos)

01/02/2012
Catarina (18 anos)

10
  Ótimo
Denunciar
Eu acho que é o o melhor filme antigo que eu já vi. Neste momento estou a fazer um resumo sobre ele.

19/02/2012 - Vinícius (16 anos)

19/02/2012
Vinícius (16 anos)

11
  Ótimo
Denunciar
Trilha sonora, roteiro, atuações, cenário, tudo é perfeito neste grande clássico. Pra quem gosta de um bom romance, eu recomendo.

11/04/2012 - Osmar (55 anos)

11/04/2012
Osmar (55 anos)

12
  Ruim
Denunciar
Não gostei, esperava bem mais do filme, algumas poucas músicas boas... Boa interpretação de natalie wood... Mas história longa, sem emoção nenhuma... Vale um 4...

14/05/2012 - Vinicius Alves (40 anos)

14/05/2012
Vinicius Alves (40 anos)

13
  Ótimo
Denunciar
Um dos dois melhores musicais já realizados em Hollywood. O outro é a Noviça Rebelde. Ambos são do mestre Robert Wise. Tudo é tecnicamente perfeito neste Romeu e Julieta dos anos 1950! Só quem não gosta de musical pode achar esse filme ruim, mas podia dormir sem essa! Só mesmo o Richard Beymer (Tony) destoa porque é um ator razoável! Minha nota é EXCELENTE!

23/07/2012 - Bento (69 anos)

23/07/2012
Bento (69 anos)

14
  Ótimo
Denunciar
Assisti pela primeira vez em 1962, ao lado de minha namorada e hoje minha esposa. Depois disto, toda vez que entrava em cartaz na TV, eu assistia novamente. Mais tarde, comprei o video e depois o DVD. Sei, de cor, todos os diálogos em inglês e português. Ainda o verei muitas vezes. Tudo isto, por "paixão" por Natalie Wood. Musa esterna dos meus sonhos de adolescente.

29/10/2012 - Luciano José de Abreu (51 anos)

29/10/2012
Luciano José de Abreu (51 anos)

15
  Ótimo
Denunciar
Assisti ao filme, pelo menos, umas cinco vezes. Aquelas cenas de rua, sem nenhum cenário e com um coreografia portentosa são de arrepiar. Atores que são excelentes bailarinos e uma trilha sonora eterna, de ninguém menos que Leonard Bernstein, um dos maiores maestros do Sec. XX, falecido em 1997. É difícil dizer mais sobre o filme, que, na minha opinião é e será por longo tempo o maior musical de todos os tempos. Nota 10!

21/06/2013 - Madalena O. Petroni (66 anos)

21/06/2013
Madalena O. Petroni (66 anos)

16
  Ótimo
Denunciar
Assistir o filme, mas nunca na TV gostaria muito de assistir na TV eu não tenho nt só parabólica foi o maior musical de todos os tempos.

22/07/2013 - Paulo Meiras (48 anos)

22/07/2013
Paulo Meiras (48 anos)

17
  Ótimo
Denunciar
O filme começa aos 28 minutos, quando natalie Wood entra em cena e faz esquecer o início maçante. Daí pra frente, a história engata, as canções são boas e a coreografia, impecável. Mereceu os prêmios que levou.

02/05/2014 - Mpario Perz (56 anos)

02/05/2014
Mpario Perz (56 anos)

  Ótimo
Denunciar
Já assisti várias vezes e não me canso, é muito bom e o elenco de primeira grandeza, coisa que hoje em cia não se vê mais, pois era a época do "glamour" de Hollywood!

30/05/2014 - Antônio Afonso Silva (69 anos)

30/05/2014
Antônio Afonso Silva (69 anos)

  Ótimo
Denunciar
Assistí-o muitas vezes, filme bom não cansa nunca. Lembro sempre da minha juventude, da minha namorada Lidia a (minha Lidia Maria), hoje mãe dos nossos filhos e eterna companheira. Nota 10... Sempre.

31/01/2018 - Zequita (57 anos)

31/01/2018
Zequita (57 anos)

  Ótimo
Denunciar
Sem sombra de dúvidas, hoje, o legado de Amor, Sublime Amor transparece muito mais na qualidade de suas canções, quase todas clássicas e conhecidas do público, como “I Feel Pretty”, “America”, “Tonight”, “Maria” e “There´s a Place for Us”. Só para se ter uma ideia, muitas delas foram gravadas e interpretadas por cantores brasileiros de sucesso na época, no original em inglês ou em versões em português. Mas não se pode esquecer a inovação temática trazida por West Side Story. Os musicais sempre foram marcados por abordar assuntos leves e decalcados da realidade. No filme, à parte a história de amor do duo principal, o pano de fundo é a realidade dos imigrantes dos Estados Unidos, cantada em versos na inesquecível e corajosa auto-crítica “America”, onde um duelo entre as mulheres de origem irlandesa, exaltando as qualidades do país, faz um contraponto às críticas ao american way of life visto pela ótica dos porto-riquenhos. Ao público de hoje, Amor, Sublime Amor pode parecer extremamente datado, e não resistiu ao tempo tão bem como o clássico Cantando na Chuva. Mas uma coisa é certa: o filme nunca poderá ser acusado de ter sido uma versão burocrática ou sem inspiração do musical da Broadway. Visto em retrospectiva, embora possa pecar em alguns aspectos – como o elenco principal (é bem verdade que Richard Beymer é bem fraquinho na interpretação e Natalie Wood não tem o tipo físico para convencer como uma porto-riquenha) – único ator que se salva com uma interpretação segura e George Chakiris - é uma obra transbordante de energia e paixão na sua execução. Nota 9,9.

25/02/2018 - FabioKubrick (38 anos)

25/02/2018
FabioKubrick (38 anos)

  Bom
Denunciar
Bom filme, algumas poucas cenas meio cansativas, mas nada que estrague o filme, direção de fotografia e coreografia de dança são ótimas, roteiro bem interessante.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho (spoiler), mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiler? /    
Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:


Últimos Visitados

Amor, Sublime Amor (West Side Story)

Copyright © 2021 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.