Sangue Apache

  (Geronimo)

Sinopse


Gerônimo, o último líder dos Apaches e retratado em vários filmes de cinema, entrega suas armas ao governo americano e vai com seu povo se estabelecer na Reserva Indígena de San Carlos. Submetido a humilhações pelo exército americano dos ianques, foge com seu grupo e forma um novo batalhão de guerreiros apaches, afim de resgatar a honra de homens livres e a história de um povo lutador. Brilhante interpretação de Chuck Connors, como o Chefe Gerônimo, e também com a participação especial de Adam West, o primeiro Batman da TV americana.

Informações


Título no Brasil Sangue Apache
Título Original Geronimo
Ano Lançamento
Gênero Ação / Drama / Épico / Faroeste
País de Origem EUA
Duração101 minutos
Direção

Elenco


... Geronimo
... Teela
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


15/04/2008 - Raimunda

15/04/2008
Raimunda

1
  Bom
Denunciar
O filme é muito bom...

03/12/2011 - Pauloroberto. (59 anos)

03/12/2011
Pauloroberto. (59 anos)

2
  Bom
Denunciar
Assisti a muitos anos atrás.

15/12/2013 - José Ou Zé, Um Cidadão (39 anos)

15/12/2013
José Ou Zé, Um Cidadão (39 anos)

  Ótimo
Denunciar
5 estrelas! Sugiro aos colegas buscarem informações sobre a questão indígena no Brasil. Ao longo dos séculos, os povos indígenas sempre se articularam, tomaram decisões e elaboraram estratégias, no sentido de salvaguardar, com razão, os próprios interesses, frente aos colonizadores (invasores). Apesar das tentativas eurocêntricas e evolucionistas em "deletá-los" da História, tornando-os supostos "seres civilizados e modernos", pesquisas acadêmicas recentes e as contínuas ações dos próprios indígenas (re) afirmando suas identidades étnicas, demonstram justamente o contrário. Em 2010, o Censo do IBGE contabilizou em torno de 900 mil índios, localizados em todas as regiões brasileiras. Levando em conta as áreas de difícil acesso e que não puderam ser recenseadas, de acordo com o próprio órgão, bem como os chamados índios isolados, sem contato com a população não-índia, temos um número ainda maior. E a luta continua! Pela demarcação e homologação das terras conforme a Constituição de 1988, pelo acesso digno à saúde, por um poder judiciário que decrete sem delongas a prisão dos mandantes e assassinos de lideranças indígenas, pelo bem viver. Não sou índio. Mas, como brasileiro, apaixonado pela nossa História, me sinto no dever de investigar o "outro lado", a História das pessoas comuns, ou, como diria Thompson: "a história vista de baixo para cima".

04/05/2014 - Guina Pecoraro (61 anos)

04/05/2014
Guina Pecoraro (61 anos)

  Bom
Denunciar
Fotografia excelente, um filme de movimentação intensa, com belíssimos cenários, e uma atuação brilhante de Chuck Connors.

13/08/2014 - Nelio (60 anos)

13/08/2014
Nelio (60 anos)

  Ótimo
Denunciar
Excelente filme dos bons velhos tempos.

11/05/2018 - Zequita (57 anos)

11/05/2018
Zequita (57 anos)

  Ótimo
Denunciar

APACHE DO RIFLE - “Gerônimo” foi filmado em 1962, época em que a revisão da causa índia já estava em andamento. O próprio John Ford, dois anos depois, faria sua méa culpa em “Crepúsculo de uma Raça”, desculpando-se pelo tratamento que dispensou aos índios em muitos de seus westerns. Portanto Laven não estava sequer sendo um cineasta corajoso como fora Delmer Daves que tratou pioneiramente os índios com dignidade em “Flechas de Fogo”, ainda em 1950. Laven, porém, poderia ter antecipado Walter Hill que em 1993 filmou o brilhante “Gerônimo, uma Lenda Americana”, com Wes Studi como Gerônimo e Gene Hackman como o General Crook. No entanto o diretor preferiu aproveitar a efêmera fama de Chuck Connors conseguida em “O Homem do Rifle” e o fez acreditar que para ser Gerônimo bastaria passar o filme todo com um rifle na mão. Arnold Laven foi também o autor do roteiro que tem incontáveis situações inconsistentes que prejudicam o andamento do filme. Por outro lado “Gerônimo” apresenta algumas excelentes cenas de ação nas locações rodadas em Durango, no México. Arnold Laven se redimiria parcialmente do seu malfadado “Gerônimo” com os westerns “A Noite dos Pistoleiros” (com Dean Martin) e “Assim Morrem os Bravos” (com Tom Tryon). Seu último western, em tom de comédia foi “Sam whiskey, o Proscrito” (com Burt Reynolds), após o que Laven retornou definitivamente para a televisão, não mais repetindo o erro de apostar em Chuck Connors. Nota 9,8.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho (spoiler), mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiler? /    
Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:




Últimos Visitados

Sangue Apache (Geronimo)

Copyright © 2023 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.