Virgínia

  (Twixt)

Sinopse


Um escritor em crise (Val Kilmer) chega a um pequeno povoado e se vê envolvido no misterioso assassinato de uma jovem. Uma noite recebe a visita de um fantasma e descobre algumas pistas que o levam a acreditar que a resolução do assassinato tem muito a ver com elementos de sua própria vida.

Informações


Título no Brasil Virgínia
Título Original Twixt
Ano Lançamento
Gênero Terror / Suspense
País de Origem EUA
Duração88 minutos
Direção
Estúdio/Distrib. Europa Filmes

Elenco


... Hall Baltimore
... Sheriff Bobby LaGrange
>> Ver todo o Elenco...

Trilha Sonora


“Big Rock Candy Mountain” (não creditada)
Interpretada por Lisa Biales
“Nosferatu” (não creditada)
Interpretada por Dan Deacon & Osvaldo Golijov

Trailer



Comentários


08/09/2013 - Will (39 anos)

08/09/2013
Will (39 anos)

1
  Ruim
Denunciar
Um grande diretor, bons atores, mas um filme ruim, sem muito sentido, totalmente desnecessário.

10/12/2013 - Sérgio Sarmento (60 anos)

10/12/2013
Sérgio Sarmento (60 anos)

  Regular
Denunciar
Assisti em 05/12/13 NO CINEMA quando da décima seleção de filmes Bourbon. Olha! O filme é uma produção modesta de US$7 milhões. O que para padrão Coppola é uma "ninharia" mesmo. O filme é quase todo ele filmado em uma propriedade agrícola e no escuro. Dando um visual beirando ao "não sei o quê", ou seja, pobre. A gente não entende bem o que o diretor quer fazer. Se é um filme de terror. Vampiro ou sei lá! Os atores parecem perdidos. Coloca em cena um ator que fazia anos que não assistia um filme dele. Seu nome é Val Kilmer e ainda por cima está gordo e parece sem vontade. Tem também uma atriz, essa sim é excelente, mas totalmente perdida e com uma atuação caricata. Falo dessa linda, jovem, adolescente e promissora atriz chamada Elle Fanning. Mas tem um veterano e sempre um baita ator coadjuvante ao longo desses mais de 60 anos de atividade em CINEMA. Falo do grande Bruce Dern. Ele simplesmente rouba o filme como um policial daquela cidade pequena. Repito! Eu não sei o que o outrora genial diretor DE CINEMA, em maiúsculo mesmo, Francis Ford Coppola que dizer com esse filme. É essas incógnitas que um cinéfilo como eu, as vezes, tem que assistir. Lamentável mesmo! Só se habilite se for " fominha " DE CINEMA como eu!

01/01/2014 - Leo (24 anos)

01/01/2014
Leo (24 anos)

  Péssimo
Denunciar
Péssimo, não entendo como atores de renome aceitam fazer um tipo de filme desse.

03/01/2014 - Deivis Schuman (31 anos)

03/01/2014
Deivis Schuman (31 anos)

  Ruim
Denunciar
Ótimo diretor, ótimos atores e um filme péssimo! Porque será que pensaram que seria uma grande produção? Filme muito ruim, não recomendo, e não entendo porque tantos profissionais bons aceitaram esse projeto!

05/01/2014 - Samuel (23 anos)

05/01/2014
Samuel (23 anos)

  Ruim
Denunciar
Pra quem dirigiu o espetacular Drácula de Bram Stoker (1992), deve ter desaprendido a fazer um filme de terror. Enfim se você quer perder tempo e ficar com cara de tacho por não ter entendido nada, vá em frente.

16/01/2014 - Eduardo Ben de Morais Lim (17 anos)

16/01/2014
Eduardo Ben de Morais Lim (17 anos)

  Ruim
Denunciar
Filme bem fraco mesmo, a história é muito maluca, sem graça, Francis Ford Coppola já dirigiu filmes melhores, um deles é "Drácula de Bram Stoker" que por sinal dá de 10 a 0 nesse, esse é de fraco pra regular, porque não é legal não, as atuações são fracas, e o desenrolar muito vago e sem nexo... Enfim, nota 4...

07/05/2014 - Emanoel Bastos (35 anos)

07/05/2014
Emanoel Bastos (35 anos)

  Péssimo
Denunciar
Filme com Val Kilmer já diz tudo: lixo puro, oh homenzinho pra fazer filme ruim, pelamordeus! Depois juntando a uma estoria bem doida, tadinha da Elle Fanning, deve ter se queimada ao aceitar ter feito esse filme, rsss.

06/07/2014 - Odair (41 anos)

06/07/2014
Odair (41 anos)

  Péssimo
Denunciar
Um Val Kilmer gordo e parecia que ele estava entediado o filme todo... Aliás o filme muito ruim, história sem noção... Bomba...

23/08/2014 - João Paulo Bogo (33 anos)

23/08/2014
João Paulo Bogo (33 anos)

  Regular
Denunciar
O filme é promissor e tem um começo que cria expectativa, mas na metade a trama perde o fôlego e a gente fica sem entender a história. Os melhores momentos foram a participação de Edgar Allan Poe e seus diálogos com Baltimore e o "Mea Culpa" do mesmo no finalzinho da filme. Talvez todo o filme seja apenas uma alegoria aos fantasmas que cada um possui, as quais buscamos dar a mais romântica forma e que por fim direcionam nossa vida.

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho (spoiler), mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiler? /    
Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:


Últimos Visitados

Virgínia (Twixt)

Copyright © 2021 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.