Transtorno Explosivo

  (Systemsprenger / System Crasher)

Sinopse


Ela é pequena, mas perigosa. Onde quer que Benni esteja, ela é imediatamente expulsa. A menina de 9 anos já se tornou o que os serviços de proteção infantil chamam de "destruidora de sistemas", e ela não está pensando em mudar. Benni tem um único objetivo: voltar para casa e ficar ao lado de sua mãe, mas Bianca tem medo da própria filha. A assistente social está tentando ao máximo encontrar uma vaga em alguma instituição permanente para Benni, e contrata Micha, um especialista em controle de raiva para ajudá-la.

Informações


Título no Brasil Transtorno Explosivo
Título Original Systemsprenger / System Crasher
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem Alemanha
Duração125 minutos
Direção
Estreia no Brasil 05/11/2020
Estúdio/Distrib. Imovision
Idade Indicativa 14 anos

Elenco


... Bernadette 'Benni' Klaaß
... Michael 'Micha' Heller, Anti-Gewalt-Trainer
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


05/10/2020 - Dunha da Cunha (35 anos)

05/10/2020
Dunha da Cunha (35 anos)

  Péssimo
Denunciar
Acabei de assistir ao filme na Mostra Alemã de Cinema no Sesc Digital. O filme simplesmente não tem final. Aliás, conclusão é algo com o qual o filme não se preocupa em momento algum. Tudo que se propõe logo abandona. Não tem uma única trama ou sub-trama que se encerre. Fica tudo no ar, tudo jogado, tudo sem explicação. A única coisa que, ao final, o filme parece se preocupar é premiar com condescendência comportamento violento e psicótico. Teria um resultado melhor se fosse pelo caminho do terror - como no clássico O ANJO MALVADO -, e até, em certo instante, parece que seguirá por aí, mas até nisso não é dado prosseguimento.

07/10/2020 - Roger (50 anos)

07/10/2020
Roger (50 anos)

  Bom
Denunciar
Ao contrário do comentário anterior digo que o filme deixou um final em aberto, fica à cargo de espectador imaginá-lo, mas deixando isso de lado o filme é bem pesado mesmo, mas não faz apologia à violência e sim demonstra como é difícil de se lidar com crianças com o tipo de transtorno citado no filme, tem gente que não entende e dá nota baixa mesmo, mas no geral é um filme muito bem feito e produzido, a atuação da menina está excelente e a direção está de parabéns em retratar tal situação de forma mais realística possível.

08/10/2020 - Kleber Souza (41 anos)

08/10/2020
Kleber Souza (41 anos)

  Péssimo
Denunciar
E sempre tem aqueles que fingem que entendem pra pagar de intelectual, e ainda usam os outros como escada para saciar seu ego intelectual. O único erro do primeiro comentário é comparar este filme com Anjo Malvado do Macaulay Culkin. É uma ofensa a um clássico. Esse aqui é uma porcaria. Ele passa pano pro comportamento violento da menina o tempo todo. E tanto não está nem aí para a situação clínica da menina, que em nenhum momento do filme chamam o transtorno dela pelo nome. De fato há uma certa condescendência ao comportamento dela e nem precisa cavar muita explicação: fosse filha de imigrantes, teria sido acorrentada em algum hospício e nem se importariam com a idade. Mas como é uma branquinha fofinha é "nossa, tadinha dela, ela só arrebentou o crânio de um menino com deficiência intelectual, nada demais".

08/10/2020 - Roger (50 anos)

08/10/2020
Roger (50 anos)

  Bom
Denunciar
Tem gente que gosta mesmo de tomar as dores dos outros, eu disse que o final ficou em aberto e à cargo da imaginação do espectador, Mostrar Spoiler a menina fugiu ou se suicidou, não comentei como forma de amaciar o meu ego, mas esse filme trata de maneira dura como lidar com pessoas com transtorno de raiva, a menina não é psicopata como no filme O Anjo Malvado, que ao meu ver é bem inferior a esse filme. A menina do filme não é nenhuma coitadinha, mas também possui stress por ter sido abandonada pela sua mãe, tem gente que confunde a atriz com o personagem e nem deveria fazer sequer um comentário aqui nesse site. A menina do filme passou por diversos tratamentos que foram ineficazes para controlar tal transtorno, e se vocês não gostaram do filme não posso fazer vocês mudar de opinião, mas que o filme é bom isso é, é só olhar as notas e os comentários no site IMDB. Com.

08/10/2020 - Dunha da Cunha (35 anos)

08/10/2020
Dunha da Cunha (35 anos)

  Não vi
Denunciar
Não vou aqui escrever outro comentário dando nota, apenas pra reforçar meus pontos de vista interferindo na avaliação do filme. Sei que tem um pessoal que faz isso, mas não é meu interesse derrubar nota de filme algum. O que quero dizer é que é muito interessante dizer que alguém não entendeu e por isso deu nota baixa, enquanto se dá nota alta alegando coisas que não se encontra no filme. Então quem foi que não entendeu? O filme que assisti não deixa só o final aberto, ele não se preocupa em concluir nada. E o que ele menos se preocupa em explicar e sobre a condição clínica da menina, que como o comentário anterior bem lembro sequer o nome do transtorno é mencionado - eles dão um nome genérico qualquer em um único momento do filme e só. Mostrar Spoiler Insinuam que ela passou por um trauma para ficar daquele jeito, mas isso nunca é explorado. Insinuam que a mãe pode ter a ver com aquele comportamento, já que o irmão aparenta agir igual, mas abandonam isso na cena seguinte. Insinuam que o "acompanhante escolar" (seja lá o que isso signifique, porque também não explica a função da profissão daquele sujeito) teria passado pela mesma situação dela, mas também não dão sequência a isso. Aliás, esse personagem entra e sai da trama misteriosamente. Num determinado momento ele é presente, no outro é uma samambaia lá no fundo fazendo figuração. O filme fica nisso: só na insinuação de uma explicação que nunca vem. Se tudo no filme parece aberto, então talvez deva ficar a cargo do espectador imaginar o que quiser sobre qualquer coisa. Eu deveria aplaudir então preguiça de roteirista pra não acharem que não entendi o filme? De qualquer forma, o que definitivamente não fica em aberto é SIM a condescendência de todos ali com o comportamento violento da personagem. Desculpa, o outro comentário ali fala do momento em que ela esmaga a cabeça de um menino com problemas mentais e na cena seguinte está todo mundo tratando ela como bibelô. Sério isso? Não deveria ser esse o momento em que ela deveria ser vista como ameaça? E vamos falar nas supostas dificuldades de tratamento: tirando a suposta burocracia alegada no filme, ela tinha uma receita de medicamentos que controlariam o comportamento violento dela e o que era feito? Mostrar Spoiler Os cuidadores deixavam de dar os remédios para agradá-la, inclusive consentindo que ela fingisse que tomava. Se isso não é condescendência com comportamento violento o suficiente, Mostrar Spoiler no final ela é premiada com uma viagem de férias para uma forma de cura alternativa. Mas é um filme todo aberto, então você pode imaginá-lo de qualquer jeito. Pode imaginar até que sendo bom. Certamente qualquer historinha que você invente na sua cabeça pra preencher as lacunas do filme, será melhor que o próprio filme. Só não pode achar ruim, porque tem gente que vai dizer que você não entendeu.

09/10/2020 - Roger (50 anos)

09/10/2020
Roger (50 anos)

  Não vi
Denunciar
Tudo bem, você venceu, o filme é muito ruim mesmo, vá lá fazer um e depois mostra pra gente o resultado, só foi o filme que representou a Alemanha no Oscar de melhor filme estrangeiro. Hoje não se pode mais fazer um comentário criticando o comentário dos outros que você é massacrado, é a tal patrulha do politicamente correto em ação, acho que quem teve o ego machucado foram vocês. Eu particularmente adorei o filme e disse que apenas o final ficou em aberto e não todo o filme, como o comentarista anterior insinuou, e termino dizendo que esse não é um filme para todo mundo assistir, pois você precisa compreender o que é TEI (transtorno explosivo intermitente). Pesquisem sobre o assunto, recomendo.

09/11/2020 - Angel (60 anos)

09/11/2020
Angel (60 anos)

  Péssimo
Denunciar
O lugar de uma pessoa com esse problema em não tem uma solução antigamente era tratado em uma clinica psiquiatrica ou hospicio, mas hoje com todo esse mimimi né, parem com esse mimimi e coliquem essa doida num hospício, ai não vai agfredir mais ninguém, pronto falei!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho (spoiler), mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiler? /    
Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:


Últimos Visitados

Transtorno Explosivo (Systemsprenger / System Crasher)

Copyright © 2021 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.