A Noite do Fogo

  (Noche de fuego / Prayers for the Stolen)

Sinopse


Em uma cidade solitária situada nas montanhas mexicanas, três amigas ocupam as casas daqueles que fugiram e se vestem de mulheres quando ninguém está olhando. Enquanto magia e alegria abundam no próprio universo impenetrável delas, suas mães treinam as três garotas para se protegerem dos grupos de sequestradores que atuam na região, até que um evento altera a rotina do povoado.

Informações


Título no Brasil A Noite do Fogo
Título Original Noche de fuego / Prayers for the Stolen
Ano Lançamento
Gênero Drama
País de Origem México / Alemanha / Brasil / Qatar / Argentina / Suíça / EUA
Duração110 minutos
Direção
Estreia no Brasil 18/11/2021
Estúdio/Distrib. Vitrine Filmes

Elenco


... Luz
... Rita
>> Ver todo o Elenco...

Trailer



Comentários


01/12/2021 - Ivan P. (71 anos)

01/12/2021
Ivan P. (71 anos)

  Ótimo
Denunciar
Acabei de assistir, são 15 HS desta quarta-feira. Meu Deus! Que filme é este?!?!?!? Maravilhoso! Ouso dizer, uma pequena obra prima. Diferente de tudo. Diferente de muita coisa que já vi. Sem efeitos especiais, sem truques, sem clichês, sem atores de renome. Da diretora até o último "figurante" e, aqui não tem, são todos desconhecidos. Pelo menos pra mim. Um filmaço! Para mim, foi. Eu já tinha lido algumas linhas sobre ele e, não estava concordando, mas, da primeira meia hora até o final, me "prendeu" completamente. Li em curiosidades que as meninas do filme são moradoras de verdade daquela região, das montanhas. Grande parte delas, filhas de camponeses. Li também que este filme recebeu uma menção especial da seção "um certo olhar" no festival de cannes. Este é um filme que merece um GRANDE COMENTÁRIO de quem conhece cinema. Só vou dizer "duas" coisinhas sobre ele. Gostei muita da transição das meninas (crianças) para meninas (adolescentes), sobretudo da Ana. A cena do rodeio e a fotografia, tudo lindo demais. Peço licença aos responsáveis por este site para colocar um pequeno trecho de uma reportagem com a diretora desta obra, Tatiana Huezo, obrigado. " Por que quis contar esta história pelo ponto de vista das crianças? Era fundamental me aproximar desta história pelos olhos de uma garotinha. Queria olhar e falar do contexto brutal de violência por um ponto de vista diferente. Para mim, era importante construir uma história onde o monstro não é visto. Entendemos o impacto apenas pelo rosto das meninas, por suas reações e pelo que acontece a elas. A violência se transmite nos olhos grandes de Ana (Ana Cristina Ordóñez González), tão surpresos ao ver o mundo. Esse era um dos preceitos fundamentais. Isso me permitiu trazer um contraponto de magia, de ternura e rebeldia, além de dúvida e curiosidade, que são traços típicos da infância e proporcionam um olhar honesto a este mundo violento. Ao mesmo tempo, este é um olhar contestador: as meninas questionam aquilo que estão vivendo com suas mães. Elas têm um senso crítico desenvolvido na família e na escola rural. " Como preparou as atrizes pequenas para cenas tão violentas com animais e armas?" Trabalhei com uma mulher incrível que foi fundamental para prepara-las: Fátima Toledo. Tive a sorte de recebê-la no projeto. Já tinha ouvido falar do trabalho dela muitos anos antes, quando assisti a Boi Neon (205) em Sarajevo e fiquei impressionada com as interpretações dos atores. Conheci o Gabriel Mascaro depois de assistir a este filme espetacular, e a única pergunta que fiz para ele foi: “Como você fez para conseguir esta interpretação dos atores”? Ele me disse que isso vinha da Fátima Toledo. Ela é uma xamã! Foi incrível aprender com ela, porque tem profundo conhecimento sobre o ser humano, além de grande sensibilidade. A Fátima sequer falava a língua das atrizes, porque as meninas do filme são moradoras das montanhas de verdade; a maioria delas é filha de camponeses. Mesmo assim, a linguagem era o de menos. A Fátima preparou as atrizes para encararem física e psicologicamente o projeto. A preparação durou três meses. " Considera A Noite do Fogo uma fábula do México, ou da América Latina atual?" Não. Acredito que seja muito mais complexo do que uma fábula. O filme tem muitas arestas, e estamos submersos num contexto cujas raízes se encontram na desigualdade. Esta é a origem de todas as violências. Assim nascem os monstros que dominam o México há muitos anos. " Em que medida a coprodução com o Brasil estruturou o projeto?" Foi incrível pós-produzir o filme no Brasil. Eu me apaixonei pelo Brasil, e pude visitar o Recife, embora tenha ficado com medo de entrar no mar por causa dos tubarões. Não conseguia acreditar nisso! Mas foi lá que fizemos a construção sonora, que inclusive recebeu um prêmio paralelo em Cannes. Conheci o Rio de Janeiro, onde fizemos toda a correção de cor com o Fábio Souza, e a pós-produção. Agora, sou eu, agradecendo aos responsáveis pelo INTERFILMES por este consentimento. Este filme merece. Até mais!

Novo Comentário
Faça seu comentário, mas por favor, siga estas regras:
- Não faça perguntas, faça comentários sobre o filme;
- Não conte o final do filme nem partes importantes para o desfecho (spoiler), mas se necessário marque o texto;
- Seja objetivo e descreva o porquê de sua nota;
- Se você ainda não assistiu ao filme, dê nota "Não vi";
- Não critique outros comentários, apenas faça o seu, sem preconceitos;
- Se você não gosta deste gênero de filme, é melhor não comentar;
- Comentários que descumprirem estas regras, serão excluídos totalmente.

 Agradecemos a colaboração. Bom uso!

O Texto Contém Spoiler? /    
Selecione o texto com "Spoiler" e click aqui.

Nome: Idade:  Nota:


Últimos Visitados

A Noite do Fogo (Noche de fuego / Prayers for the Stolen)

Copyright © 2021 www.interfilmes.com - Todos os Direitos Reservados. Acesse a Política de Privacidade.